Cruzeiro goleia Independiente: 4 x 1

O Cruzeiro goleou o Independiente por 4 a 1 hoje à noite, no Mineirão, com três gols de Edmundo, em grande noite, e manteve as chances de classificação à próxima fase da Copa Mercosul. O time do técnico Ivo Wortmann, que vinha de vitória também por 4 a 1 sobre o Santa Cruz, pelo Brasileiro, obteve o primeiro resultado positivo em quatro jogos na competição sul-americana e somou quatro pontos. Abandonou a lanterna do grupo C, cujo líder isolado é o Corinthians (9 pontos), e subiu para a segunda posição, igualando-se ao Colo Colo no saldo de gols. Para permanecer na disputa do título sul-americano, no entanto, ainda falta muito: os mineiros, que agora enfrentam o Colo Colo, no Chile, e o Corinthians, em São Paulo, buscam pelo menos o posto de terceiro melhor colocado de todos os grupos. O Cruzeiro foi melhor no primeiro tempo, apesar de ter sofrido perigosos contragolpes do adversário, e fez três gols. O placar foi aberto aos 10, por Edmundo, que dominou a bola com o braço esquerdo sem que o juiz percebesse, na pequena área, e tocou bem. Aos 24, o atacante marcou de novo, cobrando pênalti sofrido por Ricardinho. Oséas ampliou de cabeça aos 35, recebendo excelente cruzamento do lateral Maicon. Na segunda etapa, o Independiente voltou melhor e diminuiu logo aos sete minutos. Galván recebeu na área, livrou-se com facilidade da zaga e chutou no canto, sem chance para André. O Cruzeiro recuou, temendo a equipe argentina, e por pouco não sofreu mais gols - André defendeu pênalti cobrado por Montengero, aos 38. Com as expulsões dos argentinos Paez e Pernia, o Cruzeiro retomou as jogadas de ataque e Edmundo, mais uma vez, deixou sua marca, aos 47, selando o placar - 4 a 1.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.