Cruzeiro goleia o Guaraní-PAR e lidera na Libertadores

O Cruzeiro conquistou a sua segunda goleada consecutiva na Copa Libertadores da América ao vencer nesta terça-feira o Guaraní, do Paraguai, por 4 a 0, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG), pela segunda rodada do Grupo 7 da competição continental. Com mais um elástico triunfo em casa, o time do técnico Cuca - que havia estreado com uma goleada por 5 a 0 sobre o Estudiantes - chegou aos 6 pontos e se isolou na liderança da chave.

EDUARDO KATTAH, Agência Estado

22 de fevereiro de 2011 | 21h33

A equipe paraguaia sofreu nova derrota (estreou perdendo para o Deportes Tolima por 1 a 0, na Colômbia) e permanece sem pontuar no torneio. A segunda rodada do Grupo 7 será completada nesta quarta com Estudiantes x Tolima, na Argentina.

Como já se esperava, o Guaraní entrou em campo bastante fechado. Porém, começou surpreendendo nos contra-ataques. Aos 10 minutos, o time do Paraguai quase abriu o marcador, mas a bola cabeceada pelo atacante Escobar parou na trave do gol de Fábio.

Depois de muito tentar, somente aos 30 minutos a equipe mineira conseguiu romper a marcação e chegar ao gol do adversário, em um lance de bola parada. Após o meia Montillo cobrar de escanteio, a bola sobrou para o atacante Wallyson, que chutou de primeira e fez 1 a 0.

No início da segunda etapa, a chuva caiu forte em Sete Lagoas, mas o Cruzeiro manteve o ritmo, acuando o Gauaraní em seu campo. Aos 18 minutos, novamente Wallyson marcou para o time celeste. O atacante recebeu de Montillo na área adversária e ampliou, fazendo o seu quarto gol na Libertadores.

O atacante argentino Farías, que entrou no lugar de Wellington Paulista, fez o terceiro, aos 41 minutos. Dois minutos depois, outro atacante, Thiago Ribeiro - que substituiu Roger -, consolidou a goleada celeste, acertando um belo chute da intermediária. "Com essas duas vitórias a gente encaminha bem a nossa classificação", destacou Thiago Ribeiro.

Ficha técnica

Cruzeiro 4 x 0 Guaraní-PAR

Cruzeiro - Fábio; Diego Renan, Gil, Victorino e Pablo; Marquinhos Paraná, Henrique, Roger (Thiago Ribeiro) e Montillo; Wellington Paulista (Farías) e Wallyson (Dudu). Técnico: Cuca.

Guaraní-PAR - Aurrecochea; Filipini, Ithurralde (Pedro Chavez)(Bartomeus), Carballo e Marecos; Joel Benitez, Angelo Ortiz, Paniágua e Jorge Mendoza (Hobeckber); Júlio Benítez e Fabio Escobar. Técnico: Carlos Compagnucci.

Gols - Wallyson, aos 29 minutos do primeiro tempo; Wallyson, aos 18, Farías, aos 41, e Thiago Ribeiro, aos 43 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos - Victorino, Gil, Montillo e Farías (Cruzeiro); Fabio Escobar, Paniágua e Ortiz (Guaraní-PAR).

Árbitro - Raúl Orosco (Fifa-Bolívia).

Renda e público - Não disponíveis.

Local - Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.