Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Cruzeiro joga no Mineirão para manter folga na ponta

Com apenas uma mudança em campo e embalado por goleada na Copa do Brasil, clube encara a Chapecoense pela 18ª rodada 

Marcelo Portela e Rafael Thomé, Estadão Conteúdo

30 de agosto de 2014 | 07h33

O Cruzeiro volta a campo neste sábado após a golear o Santa Rita-AL pela Copa do Brasil com o time praticamente completo para tentar se distanciar ainda mais dos adversários na liderança isolada do Campeonato Brasileiro. A única alteração para o jogo contra a Chapecoense, às 18h30, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, pela 18.ª rodada, em relação ao grupo que vem atuando como titular é a entrada de Samudio no lugar de Egídio, vetado por causa de uma fratura na mão.

No treino que encerrou a preparação do time para a partida, nesta sexta-feira, o técnico celeste Marcelo Oliveira apostou em jogadas de bola parada na área e finalizações.

No confronto estarão de volta ao time os meias Ricardo Goulart e Everton Ribeiro, o atacante William e o zagueiro Léo, poupados na primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil.

DO OUTRO LADO

A Chapecoense entra na rodada como 15ª colocada do campeonato. Tem 19 pontos, apenas dois a mais do que o Criciúma, que abre a zona de rebaixamento. Por isso, precisa de um grande resultado neste sábado no Mineirão, sob o risco de voltar ao grupo dos quatro piores.

Para surpreender a equipe mineira em seus domínios, os jogadores da Chapecoense usam como exemplo a única vitória fora de casa que conseguiram, sobre o hoje vice-líder São Paulo, no Morumbi, pela 11ª rodada do Brasileirão. "Tudo que é retrospecto positivo é bom para a gente criar mais confiança. Se Deus quiser, a gente busca um pontinho lá, que estamos precisando", disse o zagueiro Jaílton, que volta ao time na vaga de Douglas Grolli. Na reta final do primeiro turno do campeonato, o técnico Celso Rodrigues tem a base consolidada. Assim, muda pouco em relação à equipe que foi derrotada pelo Botafogo na última rodada. Com a suspensão do lateral Fabiano, Ednei vai para o lado direito e Neuton entra na esquerda.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.