Divulgação
Divulgação

Cruzeiro lidera ranking dos clubes brasileiros mais valiosos

Clube mineiro é avaliado em R$ 273 milhões e ultrapassa o São Paulo, que fica na segunda colocação, com R$ 236 milhões

O Estado de S. Paulo

18 de dezembro de 2014 | 16h32

A 4ª edição do Ranking anual da Pluri Consultoria apresentou os 25 clubes mais valiosos do Brasil. Apesar das surpresas na lista, o Cruzeiro ainda se mantém na liderança pelo 2° ano seguido, como o elenco mais valioso do País, calculado em R$ 273 milhões, valor recorde para um time nacional.

Em segundo lugar vem o São Paulo, com R$ 236 milhões, seguido do Atlético-MG, campeão da Copa do Brasil, avaliado de R$ 195 milhões. O Corinthians, por sua vez, aparece na quarta posição, em R$ 174,9 milhões, formando a dupla com o São Paulo - ambos são os únicos que aparecem em todas as edições do ranking da empresa de marketing esportivo entre os cinco mais valiosos do Brasil.

O Cruzeiro obteve o maior crescimento da temporada, com 27,2% em relação ao ano anterior. O Sport, do Recife, que ocupa a 14ª posição apenas, registrou um aumento de 26,6%, nem parecido com o do São Paulo: 26%. Já o Botafogo, rebaixado para a segunda divisão, caiu 39% em relação a 2013. Quem também ficou para trás nessa corrida foi o Criciúma, que perdeu 24%, e o Grêmio, com queda de 19% comparados a 2013.

O ranking deste ano teve dois times entre os de maior torcida fora dos 12 maiorais: Vasco, que ficou na 16ª posição, com R$ 78,1 milhões, e Botafogo, que aparece no 13° lugar, com R$ 92,8 milhões. 

CONFIRA A LISTA DOS 25 

1) Cruzeiro - R$ 273,7 milhões


2) São Paulo - R$ 235,8 milhões


3) Atlético-MG - R$ 195,3 milhões


4) Corinthians - R$ 174,9 milhões


5) Internacional - R$ 170,2 milhões


6) Fluminense - R$ 167,8 milhões


7) Santos - R$ 167,5 milhões


8) Flamengo - R$ 158,1 milhões


9) Grêmio - R$ 144,7 milhões


10) Palmeiras - R$ 107,9 milhões


11) Atlético-PR - R$ 100,8 milhões


12) Coritiba - R$ 95,5 milhões


13) Botafogo - R$ 92,8 milhões


14) Sport - R$ 84,1 milhões


15) Vitória - R$ 80,4 milhões


16) Vasco - R$ 78,1 milhões


17) Goiás - R$ 77,7 milhões


18) Chapecoense - R$ 74,0 milhões


19) Ponte Preta - R$ 73,7 milhões


20) Bahia - R$ 67,7 milhões


21) Figueirense - R$ 59,0 milhões


22) Joinville - R$ 53,6 milhões


23) Criciúma - R$ 48,9 milhões


24) Avaí - R$ 46,6 milhões


25) Náutico - R$ 40,9 milhões

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.