Cruzeiro luta para acabar com sequência de derrotas

O técnico do Cruzeiro, Joel Santana, voltou a adotar a tática do mistério para enfrentar o Avaí, neste sábado, pela 16.ª rodada do Campeonato Brasileiro, e tentar interromper a sequência de quatro derrotas consecutivas que deixou o time na 11ª posição (tem 18 pontos). Além do segredo na escalação da equipe, a direção cruzeirense optou por fazer a partida no estádio Parque do Sabiá, em Uberlândia, ao invés de Sete Lagoas (MG), onde vinha mandando seus últimos jogos.

MARCELO PORTELA, Agência Estado

13 de agosto de 2011 | 08h46

Apesar do mistério de Joel Santana, a lista de relacionados para o jogo deste sábado trouxe novidades. Uma delas é a presença do atacante Wellington Paulista, que voltou nesta semana ao clube após um empréstimo frustrante para o Palmeiras, onde não foi bem e ficou apenas quatro meses. Outro atacante que reaparece é Thiago Ribeiro, recuperado de lesão no tornozelo esquerdo.

Assim como Thiago Ribeiro, quem pode voltar ao time neste sábado é o meia Roger, recuperado de lesão no tornozelo esquerdo. Ele treinou durante a semana, quando chegou a dizer que ainda sente algumas dores, mas é a principal opção de Joel Santana para ocupar a vaga de Gilberto, que está suspenso. Assim, formaria dupla com o argentino Montillo na armação das jogadas.

Na defesa, os zagueiros Gil, também cumprindo suspensão, e Victorino, machucado, são desfalques para o Cruzeiro neste sábado. Assim, Naldo e Léo devem formar a zaga.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato BrasileiroCruzeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.