Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Cruzeiro perde na Colômbia: 1 a 0

Na abertura das oitavas-de-final da Copa Libertadores, o Cruzeiro foi derrotado pelo Deportivo Cali, por 1 a 0, na noite desta quarta-feira, no estádio Pascual Guerrero, na Colômbia. O gol do time colombiano foi marcado pelo atacante Téllez, ainda na primeira etapa. Com a derrota, a equipe mineira terá que vencer a partida de volta por uma diferença de dois gols, dia 13, no Mineirão.A partida desta quarta-feira começou bastante nervosa. Pressionado pela torcida, o Deportivo foi para o ataque. Mas errou muitos passes, facilitando os desarmes da defesa do Cruzeiro.Assim, a primeira grande chance foi dos brasileiros. Aos 24 minutos, Alex cobrou falta e a bola bateu na trave. No rebote, Wendell, sozinho, cabeceou novamente na trave. E no segundo rebote, Leandro, desta vez pressionado, chutou em cima da zaga.Animado com a chance clara para abrir o placar, o Cruzeiro saiu mais para o ataque, criando outras oportunidades para marcar. Mas, no momento em que estava melhor na partida, foi surpreendido num contra-ataque do Deportivo. Aos 37 minutos, o atacante Téllez aproveitou a falha de Maldonado e de Cris e chutou cruzado, sem chances para Gomes, para fazer 1 a 0. No segundo tempo, querendo a virada, o técnico Paulo César Gusmão trocou Jussiê por Guilherme. O atacante estava fora do time há exatos 30 dias, por causa de uma torção no tornozelo esquerdo. Assim, o Cruzeiro voltou pressionando o adversário.Apesar disso, os brasileiros não conseguiram chegar ao gol do Deportivo. A melhor chance foi numa bola cabeceada na trave pelo zagueiro Cris, que obteve efeito suspensivo do STJD para poder jogar - está suspenso por 9 meses por briga com o goleiro Eduardo no clássico com o Atlético-MG.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.