Cruzeiro perde para o Independiente

Cruzeiro foi derrotado nesta terça- feira pelo Independiente por 2 a 0, no estádio Avellaneda, em Buenos Aires, pela primeira rodada da Copa Mercosul. O jogo, que marcava a estréia de Edmundo com a camisa cruzeirense e a primeira partida oficial do Rincón, terminou em frustração para a torcida celeste. Os dois reforços mais badalados do clube mineiro para o segundo semestre foram expulsos de campo, contribuindo para a derrota do time do técnico Paulo César Carpegiani. Ramiréz e Montenegro fizeram os gols do Independiente. O Cruzeiro está no Grupo C ao lado Colo-Colo e Corinthians. A equipe argentina dominou todo o primeiro tempo. A principal atração celeste, o atacante Edmundo, que fazia a sua estréia com a camisa do Cruzeiro, demonstrou ainda estar sem ritmo de jogo e teve uma atuação apagada nos 45 minutos iniciais. A outra novidade do time mineiro, o volante colombiano Rincón, abusou das faltas violentas e prejudicou sua equipe ao ser expulso, prematuramente, aos 34 minutos da primeira etapa. Pouco depois, aos 40 minutos, numa jogada bem articulada pelo ataque argentino, que contou ainda com a desatenção da zaga cruzeirense, o lateral Ramiréz, de dentro da área, chutou cruzado e rasteiro da direita e fez 1 a 0 para o Independiente. No intervalo, o técnico Paulo César Carpegiani tirou o lateral-direito Neném e adotou um esquema de três zagueiros, colocando em campo o jovem Anderson Bil. A modificação tática não surtiu efeito e o Cruzeiro continuou sendo pressionado. Se a situação já era complicada, ficou ainda mais quando Edmundo fez jus à fama de temperamental e, seguindo o mal exemplo de Rincón, foi expulso aos 18 minutos do segundo tempo. Nos minutos finais, mesmo com dois jogadores a menos, o Cruzeiro pressionou e ainda teve duas boas chances para empatar com Cléber e Alê, mas desperdiçou as oportunidades. Já nos acréscimos do árbitro, num contragolpe, o meio-campista Montenegro ampliou para os argentinos, fazendo 2 a 0.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.