Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Cruzeiro pode contratar 2 santistas

O Cruzeiro está perto de contratar, para a próxima temporada, dois jogadores do Santos que defenderam outros clubes em 2001 e estão fora dos planos do Peixe: o lateral-esquerdo Rubens Cardoso, que atuou pelo Grêmio, e o atacante Fumagalli, que vestiu a camisa do Guarani no Campeonato Brasileiro. Eles seriam trocados pelo lateral-direito Rodrigo e pelo meia Paulo Isidoro, cujos passes pertencem ao time mineiro. Segundo a Assessoria de Imprensa do Cruzeiro, o assunto foi discutido nesta sexta-feira à tarde em São Paulo pelo vice-presidente do clube, Alvimar Perrella, e dirigentes santistas. Inicialmente, o Cruzeiro estava interessado em outros três jogadores da equipe santista: o armador Robert, o meia Elano e o lateral-esquerdo Léo. Na negociação por eles estavam disponibilizados o atacante Oséas e o goleiro Bosco, além de Rodrigo e Paulo Isidoro. O presidente do Santos, Marcelo Teixeira, teria informado a Alvimar que Léo é inegociável e que Robert tem contrato com o clube paulista até fevereiro, recebendo passe livre em seguida. Desta forma, o dirigente mineiro preferiu aguardar a liberação de Robert, para tratar diretamente com ele uma possível transferência. No caso de Rubens Cardoso e Fumagalli, a única dificuldade de acerto seria relativa à forma como a troca se daria. O Cruzeiro propõe a negociação em definitivo, enquanto o Santos pleiteia que seja feito um empréstimo com duração de um ano. A resposta final das duas partes deve ser conhecida na segunda-feira. Sorín - O dirigente do Cruzeiro voltou a negar, nesta sexta-feira, que tenha recebido proposta oficial do Parma pelo passe do lateral argentino. O jogador foi indicado ao clube italiano pelo técnico Daniel Passarela e seu passe estaria cotado "entre US$ 9 milhões e US$ 12 milhões", de acordo com Alvimar. Também não passam ainda de especulações, segundo os cruzeirenses, as notícias sobre a transferência de Ricardinho, do Corinthians, para o time mineiro. A possibilidade começou a ser comentada na própria Toca da Raposa após a demissão de Vanderlei Luxemburgo do comando corintiano. É que com a saída do técnico, Marcelinho Carioca poderia retornar ao Parque São Jorge e Ricardinho, outro de seus desafetos, estaria prestes a deixar a equipe.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.