Cruzeiro quer derrotar novamente o São Paulo

Após a vitória em casa por 2 a 1 pela Libertadores, o Cruzeiro enfrenta novamente o São Paulo, neste domingo, às 16 horas, no Morumbi, desta vez pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico Adilson Batista indicou que não deverá poupar atletas titulares ao afirmar que não pretende fazer experiências contra o time paulista. "São duas equipes que brigam pelo título, não dá para fazer experiências não. Vamos pensando em vencer o São Paulo", disse.

EDUARDO KATTAH, Agencia Estado

31 de maio de 2009 | 08h57

Os jogadores celestes prometeram manter fora de casa o mesmo empenho demonstrado no Mineirão. "A diferença entre as partidas é só o nome do campeonato. Acho que o jogo vai ser a mesma pegada, a mesma disputa", observou o atacante Wellington Paulista, que pode voltar ao time titular.

No Brasileirão, após três rodadas, o Cruzeiro soma seis pontos e luta para subir na tabela de classificação.

Com a lesão do atacante Thiago Ribeiro, que no último jogo sofreu estiramento na coxa direita e ficará pelo menos 30 dias sem poder atuar, o treinador celeste terá de definir um novo companheiro para Kléber.

Para o confronto contra o São Paulo, Adilson deverá optar entre Wellington Paulista e Zé Carlos, que entrou no segundo tempo da partida pela Libertadores e fez o gol da vitória cruzeirense.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato BrasileiroCruzeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.