Cruzeiro quer reação em Buenos Aires

O Cruzeiro inicia, nesta quarta-feira, a disputa das oitavas-de-final da Copa Sul-Americana enfrentando o Vélez Sarsfield, às 19h15, no estádio José Amalfitani, em Buenos Aires. Para a primeira partida do confronto contra o atual campeão argentino, o técnico Paulo César Gusmão poderá optar por um time misto. O treinador, em virtude do desgaste físico dos atletas, decidiu deixar no banco de reservas o lateral-direito Maurinho e o volante Maldonado. O meio-campista Kelly também poderá ser poupado. Outra ausência certa é a do lateral-esquerdo Leandro, que sofreu uma lesão no tornozelo esquerdo no jogo contra o Goiás, pelo Campeonato Brasileiro. Ele sequer foi relacionado e não viajou com o grupo. PC Gusmão comandou, nesta terça, um treinamento na capital argentina e não confirmou a escalação, que será divulgada somente momentos antes da partida. O Cruzeiro está em queda livre no Brasileirão e coleciona três derrotas seguidas desde a venda do atacante Fred para o Lyon, da França. O time mineiro quer aproveitar a competição internacional para responder à insatisfação dos torcedores. Nesta terça, até mesmo o governador de Minas, Aécio Neves - um assumido fanático cruzeirense - cobrou a contratação de reforços para o time. ?Está na hora realmente desse dinheiro da venda do Fred ser bem gasto para nós colocarmos um time melhor em campo?. Na história do confronto, predomina o equilíbrio. Cruzeiro e Vélez se enfrentaram em seis oportunidades. O time mineiro conquistou duas vitórias, contra três do adversário. Um jogo terminou empatado. Ao todo foram marcados 19 gols, sendo 10 pela equipe argentina e nove pelo Cruzeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.