Cruzeiro recorrer aos juniores para enfrentar o Avaí

Com as atenções totalmente voltadas para a Copa Libertadores e diante de um departamento médico lotado, o técnico Adilson Batista decidiu recorrer aos juniores para escalar o Cruzeiro que enfrenta neste sábado o Avaí, às 18h30, no Mineirão, em Belo Horizonte, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro.

EDUARDO KATTAH, Agencia Estado

27 de junho de 2009 | 08h20

O treinador comandou nesta sexta-feira o último treino antes da partida e relacionou apenas três atletas considerados titulares para a partida contra o time catarinense: o lateral direito Jonathan, o meia Wagner e o volante Henrique, que iniciaram o jogo contra o Grêmio, na última quarta, pela semifinal da Libertadores.

Preferindo poupar a maioria dos titulares para a partida da volta, o treinador relacionou nove jogadores da equipe júnior. Quatro deles estão cotados para integrar o time principal - o volante Mateus, os zagueiros Luisão e Vinícius, que deve atuar improvisado na lateral esquerda, e o armador Dudu.

"A gente trabalha lá embaixo visando o profissional sempre. Temos que estar tranquilos, junto com os garotos que estão subindo também para fazermos uma boa partida e conseguirmos a vitória", comentou Mateus.

A expectativa é que Adilson dê novas oportunidades para atletas que vinham sendo pouco aproveitados no time titular como o goleiro Andrey e o atacante Zé Carlos. As opções do técnico ficaram mais restritas porque nada menos do que 10 importantes jogadores do clube se recuperam de lesões.

Se por um lado está perto de chegar à final da Libertadores, no Brasileirão o Cruzeiro faz uma campanha negativa e vem de uma derrota em casa para o Barueri. O time mineiro ocupa a 15ª colocação na tabela, tendo somado sete pontos em sete jogos.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato BrasileiroCruzeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.