Arquivo/AE
Arquivo/AE

Cruzeiro tenta se manter vivo na luta pela Copa Libertadores

Mineiros querem uma vitória contra o líder nesta quarta para subir na classificação do Campeonato Brasileiro

Eduardo Kattah, Agencia Estado

23 de setembro de 2009 | 08h08

Para embalar no Brasileirão, nada melhor do que uma vitória sobre o líder. Com este pensamento, o Cruzeiro recebe o Palmeiras nesta quarta-feira, às 21h50, no Mineirão, em jogo que fecha a 25.ª rodada da competição. Com 32 pontos, o time mineiro ocupa a 13ª posição, mas ainda sonha em terminar entre os quatro melhores para garantir vaga na Libertadores de 2010 - está 10 pontos atrás do Goiás, que aparece em quarto lugar.

Veja também:

linkPalmeiras aposta em Diego Souza para disparar

blog BATE-PRONTO - Kléber e a 'puladinha de cerca'

especial MASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especial Visite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela | tabela Classificação

especial Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão

"O foco da equipe tem sido bem trabalhado e conseguimos fazer bons jogos, tanto que temos uma das melhores campanhas neste segundo turno", afirmou o goleiro Fábio, lembrando da boa vitória cruzeirense sobre o Internacional em Porto Alegre, por 3 a 2, em partida válida pela última rodada do Brasileirão. "Só os três pontos interessam para o Cruzeiro seguir vivo em busca da vaga para a Libertadores."

"Com uma vitória, a gente se aproxima dos clubes que estão à frente e freia o líder do campeonato, não deixando abrir uma vantagem maior para a nossa equipe", admitiu Fábio, acreditando que o Cruzeiro pode embolar ainda mais o campeonato. Para isso, ele também conta com o apoio da torcida no Mineirão.

No jogo desta quarta-feira, o técnico Adilson Batista terá o retorno do atacante Kléber, pivô da maior polêmica envolvendo o confronto - o atleta participou de uma festa de uma das torcidas organizadas do Palmeiras, no último sábado, desagradando a diretoria e os torcedores do Cruzeiro. Recuperado de contusão, ele deverá formar dupla de ataque com Thiago Ribeiro.

Adilson Batista também poderá contar novamente com o meio-de-campo que atuou na vitória sobre o Inter, com três volantes: Marquinhos Paraná, Henrique e Fabrício - este último foi protagonista de outra polêmica, quando afirmou que meia palmeirense Diego Souza utiliza de recursos desleais em campo. Além disso, Gilberto será o responsável por armar as jogadas de ataque.

"Vai ser um jogo emocionante e, por isso, gerou muitos comentários fora das quatro linhas. A gente tem que saber separar e concentrar no nosso objetivo, diante do torcedor, que é jogar bem e conseguir a vitória", ressaltou o goleiro Fábio, um dos líderes do elenco do Cruzeiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.