Cruzeiro vence e fica em primeiro; Atlético-MG faz 7

Com uma vitória sobre o Uberaba por 1 a 0 neste domingo, no Triângulo Mineiro, o Cruzeiro garantiu a primeira colocação da fase de classificação do Campeonato Mineiro e a consequente vantagem de jogar por dois resultados iguais na semi e numa possível final do estadual. Na próxima fase, encara o América de Teófilo Otoni.

AE, Agência Estado

17 de abril de 2011 | 18h21

Brigando ainda pela liderança, o Atlético-MG fez bem a sua parte. Goleou o América de Teófilo Otoni por 7 a 1 na Arena do Jacaré, mas mesmo assim ficou apenas com a segunda colocação. Pelo menos assegurou a vantagem de jogar por dois empates contra o América-MG, que só empatou com o Villa Nova, por 2 a 2, em Nova Lima.

A rodada definiu também os rebaixados à segunda divisão. Mesmo jogando em casa, o Ipatinga perdeu para o já eliminado Tupi por 1 a 0 e caiu logo em seu primeiro ano na volta à elite mineiro.

O melhor jogo da rodada, porém, foi o que definiu o outro rebaixado. O Democrata de Governador Valadares foi a Montes Claros precisando vencer o Funorte, torcer por uma derrota do Ipatinga e tirar quatro gols de saldo do time do Vale do Aço. Com um gol de Fernandão aos 43 minutos do segundo tempo, fez 5 a 2 na casa do adversário e conseguiu escapar da queda pelo número de gols marcados. O Funorte, assim, também caiu para a segunda divisão.

Em Uberaba, o único gol do Cruzeiro foi marcado por Montillo, de pênalti, aos 45 minutos do primeiro tempo. Ortigoza, titular ao lado de Wallyson no ataque, foi quem sofreu a falta que originou o gol.

Já o Atlético-MG conseguiu a sua segunda goleada no ano - havia feito 8 a 1 no Iape, do Maranhão, na Copa do Brasil. Magno Alves foi o principal artilheiro da tarde, balançando as redes três vezes, com o primeiro e os dois últimos gols do jogo. Renan Oliveira duas vezes, Mancini e o jovem Giovanni Augusto completaram o marcador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.