Cruzeiro vence e pega América sem vantagem

Na expectativa de encerrar a primeira fase do Campeonato Mineiro em primeiro lugar, o Cruzeiro venceu o Ipatinga, por 2 a 0, na tarde deste domingo, no Mineirão, com gols de Jussiê. Porém, com as vitórias de Atlético e América, líder e vice-líder, respectivamente, o time celeste passou às seminais do Estadual com a terceira colocação, somando 26 pontos. Com isso, na fase final, enfrenta o Coelho, que terá a vantagem de jogar por dois resultados iguais.Já classificado para às semifinais do Estadual e com três desfalques importantes - Maldonado, Alex e Guilherme -, o Cruzeiro começou a partida contra o Ipatinga em ritmo de treino. Sem velocidade e criatividade, o time celeste apenas tocava a bola no meio-campo, dando a impressão que queria o término da partida já nos minutos iniciais. O Tigre do Vale do Aço, que apenas cumpria tabela, já que não tinha mais chances de classificação nem de ser rebaixado, procurava fechar o meio-campo e buscar os contra -ataques.E, pelo menos nos primeiros 30 minutos, o time do interior apesar de não ter maiores pretensões, demonstrava maior vontade na partida. Por duas vezes, teve a oportunidade de abrir o placar. Aos 13 minutos, depois de boa triangulação do ataque, a bola foi lançada para Walter Minhoca que desceu pela meia-esquerda e na entrada da área bateu cruzado. A bola bateu na trave direita de Gomes. Na seqüência, aos 15 minutos, a bola foi cruzada na área celeste e a defesa cortou mal. Na sobra, Jackson chutou forte, mas Gomes colocou para escanteio.Sentindo o interesse do adversário, o Cruzeiro aumentou o ritmo e passou a pressionar o Ipatinga no seu campo de defesa. Na sua primeira oportunidade de gol, aos 26 minutos, a bola foi alçada na área e sobrou para Martinez pegar de primeira. Emerson fez boa defesa, espalmando para escanteio. A partida continuou amarrada no meio-campo, dando a impressão de que as duas equipes iriam para o intervalo no empate sem gols.Mas, aos 40 minutos, depois de uma seqüência de passes errados do time do Ipatinga, Schwenck foi lançado pela meia-esquerda e rolou na área para a penetração de Jussiê. Livre de marcação, o atacante só teve o trabalho de tirar Emerson da jogada e fazer Cruzeiro 1 a 0. Logo após a saída de bola do Ipatinga, aos 41 minutos, Jackson foi lançado pela meia-esquerda e caiu na área, pressionado por Cris e Edu Dracena.O árbitro Álvaro Azeredo Quelhas entendeu que Edu Dracena deslocou o atacante na área e marcou pênalti. Reinaldo, que não vinha bem na partida, cobrou fraco e Gomes caiu no canto direito para fazer a defesa e garantir a vantagem do Cruzeiro no primeiro tempo.Na volta para o segundo tempo, o Cruzeiro voltou pressionando mais. Aos 16 minutos, em jogada parecida com a do primeiro gol, o time celeste ampliou a vantagem. Desta vez, Leandro fez a jogada pela esquerda e cruzou na área. A bola passou por toda a defesa e sobrou para Jussiê bater cruzado e fazer Cruzeiro 2 a 0.Estréia - Diante de um adversário cansado, apesar das tentativas do técnico Muller, que fazia sua estréia na função, o técnico Paulo César Gusmão passou a testar algumas opções. Colocou Marcinho e Sandro, nos lugares de Felipe Melo e Martinez, e retornou com Maurinho, no lugar de Recife, já que o lateral voltará à condição de titular, na primeira partida das semifinais, com a ida de Maicon para a Seleção Brasileira. Apesar das modificações, o time do Cruzeiro continuou tocando a bola, aguardando o fim da partida.Rodada - Nas demais partidas pela última rodada do Mineiro, em Juiz de Fora, o América venceu o Tupi, por 2 a 1. Em Andradas, no Estádio Parque do Azulão, o Atlético goleou o Rio Branco, por 5 a 2. Em Nova Lima, o Villa Nova bateu o Mamoré, por 4 a 1. Em Poços de Caldas, a Caldense venceu o Guarani, por 2 a 1. No Uberabão, o Uberaba empatou com o Valério Doce, por 0 a 0. E em Fabriciano, o Social foi derrotado pela URT, por 1 a 0.Com os resultados, Atlético, América, Cruzeiro e Caldense se classificaram para a fase final do Mineiro. O Galo pega a Caldense, e o Cruzeiro faz o clássico com o Coelho. URT, Social, Tupi e Rio Branco foram rebaixados à segunda divisão.

Agencia Estado,

28 de março de 2004 | 18h17

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.