Washington Alves/Vipcomm
Washington Alves/Vipcomm

Cruzeiro vence o Palmeiras de virada e é vice-campeão brasileiro

Equipe mineira consegue gol nos acréscimos e evita ter de disputar pré-Libertadores

Luiz Raatz - estadão.com.br,

05 de dezembro de 2010 | 19h00

SÃO PAULO - O Cruzeiro venceu com o Palmeiras de virada por 2 a 1 em Sete Lagoas em uma partida dramática e ficou com o vice-campeonato do Brasileirão neste domingo, 5. Henrique e Walyson marcaram os gols cruzeirenses e Rivaldo anotou para o Palmeiras.

 

Veja também:

linkRoger ironiza o Corinthians: Do terceiro, ninguém lembra

linkCuca: derrota para o Corinthians motivou 'entregas' para o Flu

SÉRIE A - tabelaClassificação | listaResultados

 Com o resultado, os mineiros evitam ter de disputar a pré-Libertadores do ano que vem e entrarão direto na fase de grupos.

O JOGO.Como os outros dois jogos envolvendo os candidatos ao título, a partida em Sete Lagoas começou com atraso. A bola começou a rolar quatro minutos depois do previsto.

Precisando da vitória, o Cruzeiro partiu para cima. Roger, cujo futebol cresceu na reta final do Brasileirão, organizava o meio campo da equipe e armava as principais jogadas da equipe mineira. A primeira boa chance cruzeirense veio aos 13 minutos. Henrique recebeu bom passe na entrada da área, girou e bateu. Bruno fez boa defesa.

Aos 18 minutos, veio a primeira notícia que os mineiros queriam ouvir. O Goiás abrira o placar contra o Corinthians. Palmeirenses e cruzeirenses, ambos palestrinos na origem, comemoraram na arquibancada. No Engenhão, o Fluminense empatava.

O Palmeiras, com um time composto por reservas e garotos, assustava pouco e corria muito. As melhores jogadas saíam pela direita, com Vinícius e Patrik, mas pouco assustavam o goleiro Fábio.

Aos 28, o Corinthians empatava com o Goiás. O Cruzeiro continuava precisando de um gol. O Palmeiras no entanto assustou. Dinei fez boa tabela pela direita e chutou perto do gol de Fábio.

Aos 45, o Cruzeiro teve outra grande chance com Henrique. O volante apareceu na área livre e cabeceou com firmeza, mas Bruno fez outra boa defesa.

SEGUNDO TEMPO. O Cruzeiro voltou a campo com Gilberto no lugar de Rômulo. Aos 4 minutos, Montillo cobrou falta no ângulo e Bruno, sempre ele, fez outra grande defesa.

Aos 8 minutos, o Palmeiras encaixou mais um contra-ataque pela direita com Patrik. O meia cruzou na saída de Fábio e Rivaldo completou de cabeça para o gol vazio. A partida começava a ganhar contornos dramáticos na Arena do Jacaré.

Aos 17 minutos, Henrique, o melhor em campo pelo lado azul, recebeu passe na esquerda de Diego Renan e chutou forte. Desta vez, Bruno não pegou. A massa azul voltava a acreditar.

Aos 21, no entanto, o Fluminense abria o placar contra o Guarani no Engenhão e o Cruzeiro voltou a ver o sonho do título mais distante.

A equipe mineira partiu para o tudo ou nada, mas os meninos do Palmeiras se seguraram como podiam. Nos acréscimos, Walyson achou um chute e a bola entrou chorada.

 

Só um gol do Guarani daria o título aos mineiros. Os cruzeirenses ainda esperaram mais dois minutos. Foi em vão.

 

Mas o time foi bastante aplaudido e saudado com os gritos de 'time de guerreiro' pela torcida. Como prêmio de consolação, o Cruzeiro disputará a fase de grupos da Libertadores. O Corinthians, em terceiro, disputará a fase preliminar.

 

CRUZEIRO 2

Fábio, Rômulo (Gilberto), Gil, Léo e Diego Renan; Henrique, Marquinhos Paraná, Roger (Farias) e Montillo; Thiago Ribeiro e Wellington Paulista (Walysson)

Técnico: Cuca

PALMEIRAS 1

Bruno; Leandro Amaro , Gualberto e Fabrício; Luis Felipe, Bruno Turco (Luis Felipe), Fernando, Patrik e Rivaldo; Dinei e Vinícius (Lenny)

Técnico: Luiz Felipe Scolari

Gols: Rivaldo, aos 8, Henrique aos 17 e Walyson aos 46 do segundo tempo

Cartões amarelos: Patrik, Fabrício e Leandro Amaro, Walyson e Diego Renan

Árbitro: Wilson Pereira Sampaio

Local:Sete Lagoas (MG)

Tudo o que sabemos sobre:
CruzeiroPalmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.