Divulgação / Staff Images
Divulgação / Staff Images

Cruzeiro visita Criciúma para aumentar vantagem na liderança da Série B

Com uma sequência de cinco vitórias seguidas, Raposa vai à Santa Catarina defender seu bom momento na competição

Redação, Estadão Conteúdo

27 de maio de 2022 | 11h06

O Cruzeiro tem a chance de aumentar a vantagem na liderança do Campeonato Brasileiro da Série B nesta sexta-feira, quando visita o Criciúma. A bola vai rolar a partir das 21h30, no Estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC), pela nona rodada.

As cinco vitórias seguidas colocaram o Cruzeiro na liderança isolada, com 19 pontos, três a mais que o vice-líder Bahia, que também entra em campo nesta sexta, contra o Tombense, fora de casa. Já o Criciúma é apenas o 12º colocado, com dez pontos.

Apesar da campanha apenas regular do Criciúma, a tarefa do Cruzeiro não será nada fácil, pois o adversário ainda não perdeu como mandante nesta Série B. Em quatro jogos no Heriberto Hülse, o time teve duas vitórias e dois empates. Diante do Cruzeiro, o técnico Cláudio Tencati vai ter o importante retorno do meia Marquinhos Gabriel, que desfalcou o Criciúma nas últimas duas rodadas por questões físicas. Por outro lado, o atacante Hygor cumpre suspensão pelo terceiro amarelo.

"A gente sabe que não pode bobear em uma partida contra uma grande equipe. Dentro da nossa casa temos obrigação de vencer e estamos concentrados para fazer um bom jogo", afirmou o goleiro e capitão Gustavo.

O treinador Paulo Pezzolano definiu a escalação do Cruzeiro na atividade realizada em Florianópolis (SC), na manhã desta quinta-feira. O time vai sofrer mudanças em relação ao que ganhou do Sampaio Corrêa, por 2 a 0, no último final de semana.

Destaque na vitória sobre o Sampaio com um gol e uma assistência, mesmo saindo do banco de reservas, o atacante Rafa Silva ficou em Belo Horizonte por questões físicas. Outro desfalque é o zagueiro Zé Ivaldo, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Por outro lado, Pezzolano vai ter os reforços do lateral-esquerdo Matheus Bidu e o meia Leonardo Pais, que foram liberados pelo departamento médico. A dupla, porém, deve iniciar o jogo como opção no banco de reservas.

OLHO EM SALVADOR

Na outra partida desta sexta-feira, o vice-líder Bahia visita o Tombense, às 19 horas, no Estádio Soares de Azevedo, em Muriaé (MG). O time baiano tem 16 pontos, enquanto os mineiros ainda não venceram na Série B e amargam a lanterna, com seis pontos.

A boa notícia para Guto Ferreira, treinador do Bahia, é o retorno do meia Lucas Mugni, que desfalcou o time nos últimos dez jogos por causa de uma lesão muscular na coxa direita. O artilheiro Rodallega continua de fora.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.