Cesar Greco|Agência Palmeiras
Cesar Greco|Agência Palmeiras

Cuca atrasa 'time ideal' e busca regularidade do Palmeiras

Técnico tem feito diversas mudanças na equipe alviverde

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

31 de maio de 2016 | 07h00

Cuca chegou ao Palmeiras há pouco mais de dois meses, teve tempo para treinar, após as eliminações no Paulista e na Libertadores, mas ainda não conseguiu dar a estabilidade tática esperada. A derrota para o São Paulo, e as críticas a atuação do atacante Dudu, fez com que o treinador enfrentasse sua primeira adversidade na equipe.

O atacante não gostou das declarações do treinador e negou que tivesse tido uma má atuação. Na segunda-feira, teve uma conversa com Cuca e disse ter pedido desculpa pela postura. “Com a cabeça mais fria, assimilei as críticas numa boa e continuarei trabalhando duro para melhorar a cada dia e ajudar os meus companheiros dentro de campo”, escreveu o jogador, em suas redes sociais. A tendência é que para o jogo com o Grêmio, o atacante volte a atuar pela ponta e Moisés entre na equipe.

Quando chegou ao Palmeiras, Cuca prometeu que iria escalar o seu “time ideal” e trabalhar em cima disso, mas ainda não conseguiu encontrar tal formação. Ele tem feito diversas mudanças na equipe, algumas por questões físicas e outras técnicas. No clássico com o São Paulo, por exemplo, disse que não escalou Moisés como titular, como esperado, por acreditar que ele não tenha condições de atuar 90 minutos, mas já avisou que deve utilizá-lo na quinta-feira, contra o Grêmio.

Nos bastidores, a diretoria mantém confiança total em seu trabalho e vê o momento como normal para um início de trabalho, embora tenha sentido a derrota para o rival. O Palmeiras tem pela frente três jogos complicados. Enfrenta o Grêmio no Pacaembu, o Flamengo em Brasília e o Corinthians no Allianz Parque.

Em relação ao time para quinta-feira, Egídio deve retornar no lugar de Zé Roberto, já que está recuperado de dores na coxa. Cleiton Xavier e Barrios, machucados, continuarão fora.

Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasFutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.