Cuca diz que mudanças deram vitória ao Cruzeiro

O técnico Cuca avaliou que as alterações realizadas no intervalo, com as entradas dos atacantes Wallyson e Farías, foram decisivas para que o Cruzeiro derrotasse o Ipatinga por 2 a 0, sábado, em partida válida pela terceira rodada do Campeonato Mineiro. Depois de parar na marcação adversária na etapa inicial, a equipe fez dois gols em menos de dez minutos, com Thiago Ribeiro e Wallyson.

AE, Agência Estado

20 de fevereiro de 2011 | 11h56

"Hoje a marcação é muito forte. O adversário marcou, eu faria o mesmo se fosse jogar contra o Cruzeiro. Marcaria e tentaria encaixar um contra-ataque para vencer o jogo. E nós fomos felizes, tivemos alternativas, com a colaboração dos jogadores, que entraram bem. Quando eles entram bem, as trocas são boas. Então, o mérito dessa vitória é todo dele", afirmou.

Agora, o Cruzeiro deixa o Campeonato Mineiro e volta as suas atenções para a disputa da Libertadores, já que voltará a jogar na terça-feira, contra o Guarani, do Paraguai, em casa. Cuca demonstrou preocupação com o duelo e lembrou que o adversário fez duelo equilibrado com o Tolima, com derrota por 1 a 0, na sua estreia na competição continental.

"Vamos ter que elaborar uma maneira ideal de jogar contra eles, de acordo com os relatórios que recebi sobre o adversário. Vamos treinar em cima do Guarani no domingo e na segunda-feira. Sofreu um gol aos 43 minutos do segundo tempo contra o Tolima em Ibagué, na Colômbia", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato MineiroCruzeiroCuca

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.