Divulgação - 08/05/2013
Divulgação - 08/05/2013

Cuca diz que oferta chinesa por Tardelli vai ajudar o Atlético-MG

Treinador, campeão da Libertadores pelo Galo, evita se colocar como vilão da história e diz que dinheiro vai beneficiar o caixa

Estadão Conteúdo

14 de janeiro de 2015 | 16h52

Campeão da Libertadores com o Atlético Mineiro, Cuca agora pode tirar da Cidade do Galo o principal jogador do elenco mineiro. O treinador comanda o Shandong Luneng, da China, que está tentando a contratação de Diego Tardelli. O técnico, porém, evita se colocar como vilão da história e opina que a transação é benéfica ao clube mineiro.

"O Tardelli está querendo sair do Atlético. Falei com o Daniel (Nepomuceno, presidente do Atlético) que se fosse prejudicar o clube não mexia, mas, pelo contrário, vai ajudar, por causa do dinheiro. Tenho o interesse no Tardelli. Existindo a negociação, é possível que ocorra em breve", argumentou Cuca, nesta quarta-feira, em entrevista aos canais ESPN.

O treinador confirmou que além do Luneng, que conta com Cuca e Vagner Love, também o Guangzhou Evergrande, que acabou de contratar Ricardo Goulart, tem interesse em Tardelli. A diretoria do Atlético barganha para que chineses aumentem a oferta pelo atacante, titular da seleção brasileira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.