Cuca espera pela recuperação de Jorge Henrique e Zé Carlos

Jogadores são tidos como vitais para o esquema tático do Botafogo, que está na final da Taça Guanabara

Redação,

18 de fevereiro de 2008 | 20h12

O técnico Cuca vai esperar até a última palavra dos médicos do Botafogo para saber se poderá contar com o meia Zé Carlos e o atacante Jorge Henrique na decisão da Taça Guanabara, domingo, contra o Flamengo. Os dois jogadores, com problemas musculares, não vão treinar nesta terça-feira, em General Severiano, e provavelmente estarão ausentes das atividades regulares pelo menos até quinta-feira.Os dois ainda podem se recuperar, mas pelo menos um desfalque é certo no próximo jogo: o lateral-esquerdo Triguinho, expulso contra o Fluminense, só voltará a atuar no segundo turno do Campeonato Carioca. Cuca lembrou dos cinco jogos entre Botafogo e Flamengo disputados em 2007 – houve empate em todos. Disse que seu time foi melhor em todos e que não chegou a nenhuma vitória por detalhes. Agora quer mudar isso. Admitiu, porém, que o Rubro-Negro este ano está mais forte. "Agora acho que há mais equilíbrio", disse. "O Flamengo trouxe bons reforços, como o Diego Tardelli, Marcinho, Kleberson, Jonatas."INGRESSOSComeçam a ser vendidos nesta terça-feira os ingressos para a final da Taça Guanabara. Os preços variam de R$ 30 a R$ 150. Quem quiser comprar bilhetes por telefone, pode entrar em contato com o Botafogo (21-21228020), no horário comercial – mas terá que pagar R$ 140, um pacote que inclui a final do primeiro turno e jogos do clube no segundo turno.

Tudo o que sabemos sobre:
Estadual do RioBotafogoFlamengoCuca

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.