Samuel Andrade / Santos FC
Samuel Andrade / Santos FC

Cuca está otimista para jogo do Santos com Olímpia: 'Temos um padrão de jogo'

Equipe alvinegra precisa de apenas um empate para se classificar na Libertadores

Redação, Estadão Conteúdo

28 de setembro de 2020 | 08h10

O técnico Cuca está otimista para o jogo com o Santos, quinta-feira, às 19 horas, em Assunção, no Paraguai, quando vai precisar de um empate para garantir a vaga nas oitavas de final da Copa Libertadores da América.

"Estamos construindo um padrão de jogo bacana, interessante. Tem dias que o jogador não consegue jogar na alta intensidade que eles têm. Tem fatores que atrapalham, cansaço, desgaste, dor, então temos que saber que eles são seres humanos", disse o treinador, domingo, após o empate com o Fortaleza, na Vila Belmiro, pelo Campeonato Brasileiro.

Apesar do 1 a 1, Cuca considerou que o time evoluiu e está alcançando o patamar desejado. "Estou contente com o que eles produziram. Foi o jogo ideal. esse é o jogo. A gente tem jogado assim quase todos os jogos. Mesmo nas derrotas a gente tem sido melhor que o adversário, tido mais posse de bola."

O único problema destacado pelo técnico santista foi o grande número de chances perdidas, o que não poderá ocorrer em uma partida decisiva como a que será contra o Olímpia. "Não fomos felizes nas finalizações", limitou-se a dizer Cuca, não querendo mexer com o moral de seus jogadores pouco antes de um duelo tão importante.

O Santos lidera o Grupo G, com dez pontos, após quatro rodadas, com três vitórias e um empate. O argentino Defensa Y Justicia soma seis, enquanto Olímpia tem cinco e peruano Denfín apenas um. Para enfrentar os paraguaios, Cuca não poderá contar com sua dupla de zaga titular. Lucas Veríssimo e Luan Peres cumprem suspensão.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.