Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Cuca exige condições para volta de Tardelli

Cuca resolveu dar mais uma chance ao indisciplinado Diego Tardelli, de apenas 19 anos. Não muito por simpatia ao jogador, mas pela necessidade de contar com mais um atacante no reduzido elenco do São Paulo. Atualmente, ele tem apenas o astro Luís Fabiano, Grafite, que ainda não conseguiu manter boa regularidade, e Jean, que não foi capaz de ter nenhuma boa atuação na temporada. Para trazê-lo de volta ao profissional, o treinador conversou, antes, com o restante do grupo ? muitos não gostam nada de seu comportamento ? para saber qual seria a recepção. A missão de todos será ajudá-lo a colocar o atleta no eixo. Tarefa difícil. Mas Tardelli não terá vida muito fácil, se realmente quiser retornar à vitrine. Cuca vai pedir a ele que corte o cabelo ? vem utilizando tranças nos últimos meses ? e exigir que ponha em dia suas contas. O atacante, que tem salário de R$ 6 mil mensais, acumulou dívidas desde o ano passado. Por ter comprado carro zero, computador de última geração... ?Quero que o Tardelli tenha um compromisso conosco. Não adianta ele voltar para depois de uma semana eu ser obrigado a mandá-lo embora de novo?, analisou o técnico são-paulino. O atleta vai ficar morando no Centro de Treinamento e terá de seguir horários rígidos. Sua reintegração deverá ocorrer no início da próxima semana. Há cerca de dois meses, o jogador deixou o profissional e foi transferido para Barueri, onde treinam as categorias de base do clube. A punição foi aplicada pela comissão técnica, que se cansou de seus atos de indisciplina. A diretoria deu o aval. Os dirigentes, no entanto, são favoráveis à utilização de Tardelli no time principal. Por isso, circularam alguns boatos no Morumbi de que a cúpula tricolor vinha pedindo a Cuca que o perdoasse. O treinador nega com veemência a informação. ?Juro que a decisão é minha, não fui influenciado pela diretoria.? Para a partida de domingo, contra o Paraná, no Morumbi, Cuca não vai escalar Luís Fabiano, com dores na coxa direita. Gabriel entrará no meio-campo e jogará ao lado dos volantes Alexandre e Simplício e dos meias Marquinhos e Danilo. Só Grafite atuará no ataque.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.