Cuca faz mistério, e Adriano pode começar no banco

O atacante Adriano voltou a participar do treino do Flamengo nesta sexta-feira, marcou um gol, acertou uma bola na trave, mas ainda não está garantido no time titular do Flamengo que vai enfrentar o Atlético Paranaense, domingo, no Maracanã.

LEONARDO MAIA, Agencia Estado

29 de maio de 2009 | 19h51

O técnico Cuca está preocupado com a condição física do jogador e cogita colocar o atacante somente no segundo tempo. O treinador avalia que Adriano ainda não consiga jogar 45 minutos.

Dessa forma, Cuca aproveitou a indefinição e fez mistério. Escalou o ataque do Flamengo no treino desta sexta com três formações: Adriano e Emerson, Josiel e Adriano e Emerson e Josiel.

A dúvida sobre a escalação de Adriano está prejudicando os planos da diretoria do Flamengo, que pretendia lucrar com a reestreia do atacante, no Maracanã. Os dirigentes esperam que aproximadamente 50 mil torcedores encham o estádio para acompanhar a volta do Imperador. A procura por ingressos, porém, era moderada até o fim desta tarde. Quase 17 mil ingressos haviam sido vendidos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.