Cuca procura substituto para zagueiro Ferrero

Édson, Eduardo e André Luis são as opções para ser titular no clássico contra o Flamengo, neste domingo

Agência Estado

14 de março de 2008 | 18h46

Se o Flamengo esnoba o clássico de domingo, no Botafogo o jogo é para valer. O técnico Cuca terá o time completo para o duelo, com exceção do zagueiro Ferrero, que foi punido com dois jogos de suspensão por lance violento contra Cristian, do Flamengo, na final da Taça Guanabara. Édson, Eduardo e André Luis são as opções para substituí-lo. "Com qualquer um dos três, estarei bem servido. Todos estão em nível muito bom", avaliou Cuca, ao falar dos zagueiros reservas do elenco botafoguense. "Quero mais é ter muitos jogadores brigando para serem titulares. Não vejo a hora de poder contar com Leandro Guerreiro, Túlio Souza e Luciano Almeida (todos machucados)." "Estou trabalhando forte para buscar o meu espaço no time", disse André Luis, que marcou um gol na vitória sobre o Duque de Caxias, na última rodada da Taça Rio. "A cabeça do Cuca vai virar um trevo. Quero ser uma boa dor de cabeça." O clássico de domingo gera, realmente, grande expectativa no lado botafoguense, que ainda não esqueceu a derrota para o Flamengo na final da Taça Guanabara e as provocações de Souza, o atacante flamenguista que ironizou o "choro" do Botafogo. "No futebol não existem inimigos, mas sim adversários. Domingo teremos um clássico de novo contra o Flamengo e peço paz para as duas torcidas. Lotem o Maracanã, torçam muito, mas sem violência", pregou Cuca, procurando apaziguar os ânimos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.