Cuca quer recuperar Gabriel Jesus na reta final do Brasileiro

Artilheiro do Palmeiras no campeonato não marca há sete partidas

Gonçalo Junior, Estadão Conteúdo

30 Outubro 2016 | 10h09

O atacante Gabriel Jesus vive um jejum no Palmeiras. Artilheiro do time no Campeonato Brasileiro com 11 gols, o camisa 33 não marcou nas últimas sete partidas. Após a derrota para o Santos na Vila Belmiro, partida na qual o atacante teve atuação apagada, o técnico Cuca afirmou que uma de suas missões na reta final do torneio é recuperar o bom futebol do artilheiro.

"É uma oscilação, ele está sendo muito marcado. Tentei como centroavante, depois na esquerda, depois na direita. Ele não conseguiu encontrar espaço. Tem dias que é assim. Não estava em um dia feliz, mas isso acontece com qualquer grande jogador. Independentemente de ser jovem, continua sendo fundamental para nós. Cabe a mim recuperá-lo para que possa ser um diferencial na reta final ", afirmou o treinador em entrevista coletiva na Vila Belmiro.

Gabriel Jesus acumulou uma marca negativa diante do Santos. Ele vai deixar o Palmeiras no final do ano para se apresentar ao Manchester City sem ter feito gols em clássicos. Foram 19 jogos contra os três grandes rivais, mas nenhum gol marcado. Diante do Corinthians, foram quatro jogos (dois empates e duas vitórias); contra o Santos, disputou nove partidas (três vitórias, dois empates e quatro derrotas) e, por fim teve quatro vitórias diante do São Paulo, empatou uma e perdeu outra.

No final da partida, o atacante reclamou da arbitragem. Gabriel Jesus recebeu cartão amarelo com o jogo encerrado. "Acho que ele deixou um pouquinho a desejar em relação ao tempo. Goleiro demorando muito. Quando estávamos empatando, não estávamos fazendo isso. Hoje (sábado) foi muito injusta nossa derrota, jogamos mais, criamos mais. Sempre vai ser difícil jogar aqui, mas acho que hoje merecemos a vitória", afirmou o atacante.

Apesar da derrota, o Palmeiras depende de suas forças para ser campeão. A equipe tem cinco pontos de vantagem para o Flamengo faltando cinco rodadas. A próxima partida será diante do Internacional, domingo, em casa. Os outros adversários serão Atlético-MG (fora), Botafogo (casa), Chapecoense (casa) e Vitória (fora).

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.