Cuca quer um volante e um atacante

O São Paulo começa nesta segunda-feira a segunda fase de seu planejamento do ano. São alguns ajustes que Cuca e a diretoria consideram necessários, apesar da campanha de 12 vitórias, duas derrotas e um empate em 15 jogos. Números que escondem a desclassificação no Campeonato Paulista, depois dos 2 a 0 sofridos contra o São Caetano.O time busca um volante e um atacante. Cuca acredita que as boas jogadas devem se iniciar ainda no campo de defesa do time. Ele não está contente com a atuação dos volantes - principalmente de Fábio Simplício. Acredita que com um bom volante, que reúna saída de bola e qualidade de passe, seus meias possam render muito mais.Outro motivo para a contratação de um volante é a baixa estatura de Alexandre e Fábio Simplício. Cuca acha que essa foi uma das causas para o time ter sofrido os dois gols de cabeça contra o São Caetano - apesar de os lances terem sido em cima do zagueiro Fabão.Cuca indicou Fabinho, do Corinthians, mas a negociação é difícil. A Hicks Muse e o São Caetano detêm os direitos sobre o jogador, o que levaria o Corinthians a não receber nada pela transferência. O empresário de Fabinho, Gilmar Rinaldi, quer uma transferência para a Europa.O volante preferido por Cuca é Tcheco, que atua no Al-Ittihad, da Arábia Saudita. Só que o jogador disse que só pode ser liberado após 12 de maio, quando será decidida a segunda fase da Libertadores. É tarde para Cuca, o que não impede de o jogador ser contratado para o Campeonato Brasileiro.O atacante preferido para substituir Diego Tardelli, afastado por atos de indisciplina, é Luciano Henrique, de 25 anos, do Atlético Sorocaba. Seu passe pertence aos coreanos, donos do clube, e eles não se mostram dispostos a cedê-lo. O São Paulo vai insistir, argumentando que, no fim do ano, o jogador estará livre e os coreanos não receberão nada pela sua saída.Sem reforços por enquanto, Cuca vai treinar o time para o jogo decisivo do próximo dia 7, contra o Alianza Lima, no Morumbi. O São Paulo precisa de um empate para garantir o primeiro lugar do grupo. Se perder por 1 a 0, estará classificado. Grafite, expulso contra o Cobreloa, está fora.

Agencia Estado,

28 de março de 2004 | 09h39

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.