Reprodução
Reprodução

Cuca reclama das vaias dos torcedores: 'É uma minoria. Deveriam ter vergonha'

Palmeiras estreou na Copa do Brasil vencendo o Botafogo-PB por 3 a 0

Vitor Marques, Estadão Conteúdo

31 Agosto 2016 | 22h31

Após estrear com vitória por 3 a 0 na Copa do Brasil, o técnico Cuca disparou contra uma "minoria" de torcedores do Palmeiras que, segundo ele, vaia mais o time do que apoia. "É um absurdo. Deveriam ter vergonha", desabafou o treinador em entrevista coletiva, na noite desta quarta-feira.

Cuca reclamou das vaias que a equipe recebeu no primeiro tempo, quando o Palmeiras empatava com o Botafogo-PB por 0 a 0, no Allianz Parque. Todos os gols do time foram marcados no segundo tempo, em jogo de ida das oitavas de final.

"A organizada, que a gente mete o pau, puxa até o fim. Esses estão de parabéns. Cantam na boa e com o time perdendo. Agora atrás do banco, os caras vaiam o time que está dando tudo para eles porque jogou mal um tempo. É uma minoria. Não sei porque fazem isso", criticou o treinador.

Ele elogiou o time da Paraíba, que disputa a Série C do Campeonato Brasileiro, e fez um jogo duro no primeiro tempo. Os visitantes marcaram bem e tornaram a vida do Palmeiras complicada na etapa. "Se tomássemos um gol, poderia ficar difícil. No segundo tempo, as coisas andaram melhor e soubemos sair da marcação individual."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.