Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Cuca ressalta versatilidade do elenco cruzeirense

Apesar de ter mantido a mesma base do ano passado, o Cruzeiro contratou alguns reforços para a temporada de 2011. E deixou o técnico Cuca bastante satisfeito com o elenco que foi formado, principalmente por causa da versatilidade de alguns jogadores do grupo.

AE, Agência Estado

20 de janeiro de 2011 | 18h37

Entre os reforços contratados, por exemplo, tem Leandro Guerreiro, que pode jogar de zagueiro e volante, Fabrício Carioca, que atua como zagueiro e lateral-esquerdo, e Geovane, que faz a função de lateral-direito e volante. Além disso, o Cruzeiro manteve jogadores versáteis como Marquinhos Paraná e Gilberto.

"Eu gosto de ter esse tipo de jogador porque, dentro de uma situação de jogo, você muda o sistema sem mudar as peças. Às vezes, você já fez três trocas e o seu time não está andando, está amarrado, bem marcado, e você tem que dar uma ajudinha. Tendo esse tipo de jogador polivalente, que joga em mais de uma função, você pode mudar o plano tático da partida", explicou Cuca.

O maior exemplo dessa versatilidade do elenco cruzeirense é Leandro Guerreiro, jogador que foi contratado pelo clube a pedido de Cuca. Com ele, o treinador pode optar pelo esquema tático 3-5-2, diferente do 4-4-2 que utilizou na temporada passada.

"Depende do que eu sentir no jogo e achar necessário. Para isso, o adversário tem que ter dois jogadores de frente. Se tiver três, não adianta. Se tiver um, também não adianta. Depende de uma leitura do jogo. A vinda do Leandro foi para encorpar mais o grupo", afirmou Cuca, ao comentar sobre as opções de esquema tático que tem para o time do Cruzeiro.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCruzeiroCuca

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.