Cafu
Cafu

Cuca vai a velório de filho de Cafu, e São Paulo divulga nota de pesar

Danilo Feliciano de Moraes morreu na noite de terça-feira após ter um mal-estar na comemoração do aniversário da irmã em Barueri

Redação, O Estado de S.Paulo

05 de setembro de 2019 | 17h15

O técnico do São Paulo, Cuca, compareceu na manhã desta quinta-feira no velório do filho mais velho do pentacampeão mundial Cafu, Danilo Feliciano de Moraes. O clube também divulgou uma nota de pesar nesta quinta.

"O São Paulo FC vem, em nome de sua diretoria e seus milhões de torcedores espalhados pelo mundo, expressar sua profunda consternação com a morte de Danilo Feliciano de Moraes, filho do ex-lateral-direito e eterno ídolo Cafu. Que a família e os amigos recebam as condolências e todo o carinho dos são-paulinos para superar este momento de imensa dor", diz a nota do clube. Na noite de quarta-feira, o São Paulo já havia postado em seu Twitter uma mensagem.

Danilo Feliciano de Moraes teve um mal-estar súbito enquanto jogava bola na casa da família, em Alphaville, Barueri, durante as comemorações do aniversário da irmã e sofreu uma parada cardíaca enquanto era socorrido às pressas para a unidade de Alphaville do Hospital Albert Einstein. Ele morreu aos 30 anos.

Cafu atuou pelo São Paulo entre 1989 e 1994. Pelo clube tricolor, ele conquistou diversos títulos: Mundial Interclubes (1992 e 1993), Copa Libertadores (1992 e 1993), Recopa Sul-Americana (1993 e 1994), Supercopa Libertadores (1993), Brasileirão (1991) e Campeonato Paulista (1989, 1991 e 1992).

O ex-lateral-direito também teve passagens marcantes por Roma e Milan, da Itália. Pela seleção brasileira, venceu duas vezes a Copa do Mundo (1994 e 2002) e detém vários recordes com a camisa verde e amarela, como o de mais partidas disputadas, com 142. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.