JF Diorio|Estadão
JF Diorio|Estadão

Cuca vai aguardar Tchê Tchê e Moisés até último momento para definir o Palmeiras

Técnico pode contar com volta de Arouca e Gabriel para clássico

Estadão Conteúdo

10 de julho de 2016 | 19h00

O técnico do Palmeiras, Cuca, vai esperar até o último momento pela recuperação de Moisés e Tchê Tchê para escalar a equipe para o clássico contra o Santos, nesta terça-feira, no estádio Allianz Parque, pela 14.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Moisés tem uma lesão na coxa direita e Tchê Tchê se recupera de um problema no quadril. Titulares neste início de campanha, os dois se lesionaram na vitória sobre o Sport por 3 a 1, no Recife, na última segunda-feira.

Desde quinta-feira, a dupla só treinou na academia. O treinador afirmou, no entanto, que eles são jogadores que não necessitam de treinamentos diários, pois apresentam bom condicionamento. No único treino aberto à imprensa nos últimos dias, Cuca ensaiou Arouca e Matheus Sales como substitutos. No ataque, Erik deve ser escalado no lugar de Gabriel Jesus, suspenso. Seu companheiro será Dudu, que retorna após ter sido poupado. Neste domingo, a equipe fez um treinamento sem a presença da imprensa.

Cuca tem outras opções para escalar a equipe. Moisés e Tchê Tchê são os únicos atletas em recuperação. Arouca, Gabriel, Allione, Edu Dracena, Dudu e Egídio treinaram normalmente - os três últimos devem retornar ao time titular contra o Santos. Arouca também tem chances de atuar.

Já foram vendidos 33 mil ingressos para o clássico, que terá apenas a presença de torcedores palmeirenses. O Gol Norte é o único setor esgotado. O Palmeiras é o líder do Brasileirão com 28 pontos - tem a mesma pontuação do Corinthians, mas leva vantagem nos critérios de desempate.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.