AssCom Dourado
AssCom Dourado

Cuiabá sofre 'gol relâmpago' do Paraná, mas busca empate no final pela Série B

Equipe consegue igualdade em 1 a 1 após marcar aos 43 minutos do segundo tempo

Redação, Estadão Conteúdo

11 de maio de 2019 | 21h34

Com um gol marcado logo aos 47 segundos do primeiro tempo por Ramon, o Paraná quase venceu o Cuiabá, neste sábado à noite, na Arena Pantanal pela terceira rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Mas, com uma forte pressão, o time do Mato Grosso empatou aos 43 minutos da etapa final com o meia Felipe Marques.

O gol salvador manteve a série invicta do Cuiabá em casa, agora de 16 jogos. Dentro da Série B, o Cuiabá perdeu os 100% de aproveitamento, porém, está em terceiro lugar, com sete pontos, mesma pontuação de Bragantino e Londrina. O Paraná chegou aos cinco pontos, em sétimo lugar.

O gol do visitante foi "relâmpago", logo aos 47 segundos do primeiro tempo. Jenison desceu até a linha de fundo pelo lado direito e cruzou para o meio da área. Na linha da grande área, Ramon bateu de primeira e balançou as redes.

O gol deixou o Cuiabá nervoso, que passou a errar passes e encontrar dificuldade para superar as duas linhas defensivas de quatro jogadores armada pelo Paraná. As duas melhores chances para o empate saíram dos pés de Felipe Marques.

A primeira aos 10 minutos, quando dominou a bola do lado esquerdo, passou por dois adversários em diagonal e chutou forte. Mas a bola saiu. Num lance parecido quase empatou aos 40 minutos. Desta vez ele matou no peito um lançamento longo. Depois partiu para cima da defesa, superando dois marcadores para abrir espaço ao chute. A bola saiu forte, superou o goleiro Thiago Rodrigues, porém, explodiu no travessão.

No intervalo o sistema de iluminação da Arena Pantanal, um dos modernos estádios construídos para a Copa do Mundo de 2014, deu um susto. Parte do sistema de iluminação apagou. Mas tudo se normalizou em dez minutos, não atrapalhando o reinício do segundo tempo. O Cuiabá voltou mudado, sem o lateral Toty para a entrada do meia Eduardo Ramos. Uma troca ofensiva do técnico Itamar Schulle.

O segundo tempo foi mais aberto. Aos oito minutos, Júnior Todinho bateu em curva e Thiago Rodrigues se esticou para espalmar. O Paraná respondeu aos 14 minutos, quando Luiz Otávio entrou na área e bateu à meia altura. A bola tocou na trave e saiu. Mas a melhor chance saiu aos 20 minutos, quando Felipe Marques virou o jogo e Hugo Cabral, que tinha acabado de entrar no lugar de Marino, bateu de primeiro. Outra vez Thiago Rodrigues rebateu e salvou o gol.

O goleiro ainda salvou a pátria aos 27 minutos, quando Júnior Todinho foi lançado e saiu sozinho em disparada com a parada da defesa. Já dentro da área, Todinho se assustou com a saída do goleiro, que fechou o ângulo e rebateu, numa grande defesa.

Mas a pressão foi mantida, mesmo porque o Paraná, nesta altura, já tinha aberto mão da chance de contra-atacar. Aos 33 minutos, Hugo Cabral ainda balançou as redes, mas estava impedido. O empate, enfim, saiu aos 43 minutos. Hugo Cabral chutou forte pelo lado esquerdo e Thiago Rodrigues rebateu para o outro lado. Deu azar porque a bola ficou nos pés de Felipe Marques, que deu o drible de corpo no marcador e chutou forte. A bola tocou na trave esquerda e entrou.

O Cuiabá vai abrir a quarta rodada diante do Oeste, na Arena Barueri, já na terça-feira, às 19h15. O Paraná vai ter a semana livre porque só joga no outro sábado, em casa, no estádio Durival de Britto, diante do Guarani, às 16h30.

FICHA TÉCNICA

CUIABÁ 1 X 1 PARANÁ

CUIABÁ - Victor Souza; Toty (Eduardo Ramos), Ednei, Edson Borges e Danilo; Marino (Hugo Cabral), Escobar, Alê e Felipe Marques; Matheus Pato e Júnior Todinho (Rodolfo). Técnico: Itamar Schulle.

PARANÁ - Thiago Rodrigues; Éder Sciola, Rodolfo, Eduardo Bauermann e Guilherme Santos; Luiz Otávio, Itaqui (Luan) e Matheus Anjos; Alesson (Bruno Rodrigues), Ramon (Fernando Neto) e Jenison. Técnico: Matheus Costa.

GOLS - Ramon, aos 47 segundos do primeiro tempo; Felipe Marques, aos 43 minutos do segundo.

ÁRBITRO - Léo Simão Holanda (CE).

CARTÕES AMARELOS - Toty e Marino (Cuiabá); Rodolfo, Guilherme Santos, Éder Sciola e Thiago Rodrigues (Paraná).

PÚBLICO - 5.241 presentes.

RENDA - R$ 92.430,00.

LOCAL - Arena Pantanal, em Cuiabá (MT).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.