Jamira Furlani/Avaí
Jamira Furlani/Avaí

Recuperado da covid-19, Geninho volta ao Avaí: 'Pronto para a sequência do trabalho'

Técnico de 72 anos está curado e já deve dirigir o time na partida contra o Cuiabá

Redação, Estadão Conteúdo

25 de novembro de 2020 | 10h56

Geninho tem 72 anos e está no grupo de risco, mas mesmo assim o técnico do Avaí passou incólume pela covid-19. Após cumprir quarentena e liberado pelos médicos, o comandante voltou ao dia a dia do clube catarinense. Ele já acompanhou o treinamento do time de olho no confronto direto contra o Cuiabá. "Fora eu sofro muito mais do que na beira do gramado. Estou me sentindo bem, tranquilo e pronto para a sequência do trabalho", disse.

O Avaí conquistou a sua terceira vitória seguida ao bater o Botafogo-SP por 1 a 0, em Ribeirão Preto (SP), na última segunda-feira. O time catarinense ainda alcançou a marca de cinco jogos sem derrota na Série B do Campeonato Brasileiro, com quatro triunfos e um empate.

Para o duelo desta sexta-feira, na Arena Pantanal, em Cuiabá, pela 24.ª rodada, Geninho terá à disposição o volante Jean Martim e o atacante Jonathan, que cumpriram a suspensão pelo terceiro cartão amarelo. O lateral Felipe, por sua vez, voltou aos trabalhos após também se recuperar da covid-19. O zagueiro Betão, enquanto isso, está com conjuntivite e, afastado dos trabalhos, deve desfalcar o Avaí.

A sequência positiva deixa o Avaí na sexta colocação com 36 pontos, a um do Cuiabá e também do G4. Na história, os dois times têm apenas um confronto direto - justamente do primeiro turno da Série B. O clube de Cuiabá venceu por 2 a 0, no estádio da Ressacada, em Florianópolis.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolAvaí Futebol ClubeGeninho

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.