Ciro Campos/Estadão
Ciro Campos/Estadão

Curiosidade e tempo de bola marcam primeiro treino do Palmeiras no piso sintético

Equipe inaugura novo campo do Allianz Parque e elenco busca se adaptar às características

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

12 de fevereiro de 2020 | 18h57

O Palmeiras realizou na tarde desta quarta-feira o primeiro treino no novo campo sintético instalado no Allianz Parque. Como o time estreia no piso no próximo domingo, contra o Mirassol, pelo Campeonato Paulista, a comissão técnica marcou uma atividade no estádio para ajudar na ambientação nos jogadores, que demonstraram muita curiosidade com o contato inaugural.

Ao entrar no novo gramado, vários atletas do elenco se abaixaram para tocar a superfície com as mãos e analisar as partículas que são o preenchimento das fibras do campo. Os jogadores caminharam lentamente pelo local e procuram observar detalhes, em especial os goleiros. O tempo de bola e a trajetória dos chutes receberam atenção especial de Weverton e Jailson.

O trabalho de aquecimento foi pontuado por orientações da comissão técnica para que os jogadores procurassem entender o tempo de bola na troca de passes. O time fez no novo gramado uma atividade em campo reduzida com ênfase na movimentação e na troca de passes. Na sexta-feira será realizado um novo treino no Allianz Parque, desta vez com a presença de alguns torcedores.

Os desfalques na atividade foram o lateral-direito Marcos Rocha e o meia Ramires, que se recuperam de pancadas sofridas na partida de sábado, contra a Ponte Preta. O atacante Angulo voltou da disputa do Pré-Olímpico, na Colômbia, e está com uma lesão no quadril. Por isso, também foi desfalque na atividade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.