JF Diório/AE 5/9/2011
JF Diório/AE 5/9/2011

Dagoberto defende trabalho de Adilson Batista

'Ele tem o desejo de vencer aqui', afirma o atacante do São Paulo

Amanda Romanelli, O Estado de S. Paulo

08 de setembro de 2011 | 18h15

SÃO PAULO - Após a vitória por 2 a 1 contra o Atlético-MG, na quarta-feira, o São Paulo assumiu a liderança do Campeonato Brasileiro - pelo menos até a noite desta quinta, em que Corinthians e Flamengo se enfrentam  e o rival alvinegro pode retormar a primeira posição. Mas nem a aproximação da liderança fez o são-paulino apoiar seu técnico, Adilson Batista.

Contestado pelo torcedor, Adilson tem o total apoio de seus jogadores. Ao menos, foi o que deixou claro Dagoberto. O atacante celebrou o gol que deu a vitória ao São Paulo abraçado ao comandante. E, nesta quarta, durante a reapresentação do grupo no CT da Barra Funda, o jogador disse por que comemorou com o técnico. 

 

"O Adilson é um cara bacana, um cara que joga junto e tem o desejo de vencer aqui. Nada mais justo do que comemorar com ele", afirmou o atacante.

 

Artilheiro do São Paulo na temporada com 20 gols, Dagoberto ainda não sabe se permanece no clube. Seu contrato vence em abril de 2012 e, por enquanto, as negociações entre seus representantes e o São Paulo não avançaram. 

 

"Estamos conversando. Houve contato entre as partes e eu sempre deixei claro que quero, acima de tudo, uma valorização."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.