Vipcomm/Divulgação
Vipcomm/Divulgação

D'Alessandro abafa polêmica após se irritar com torcida

Jogador argentino afirmou que estava de cabeça quente ao dizer que poderia 'pular da barca'

AE, Agência Estado

29 de novembro de 2012 | 16h18

Depois de ter dito que poderia "pular da barca" ao se irritar com os gritos de olé da própria torcida do Internacional durante o final do jogo em que o clube caiu por 2 a 0 diante da Portuguesa, no último domingo, no Beira-Rio, o meia D''Alessandro abafou a polêmica nesta quinta-feira. Após treino fechado realizado no CT do Parque do Gigante, em Porte Alegre, o jogador argentino disse que estava de cabeça quente quando usou a expressão e enfatizou que só deixaria o clube se estivesse sendo prejudicial ao mesmo.

"Eu já tinha falado que, se eu fosse uma pedra no caminho do clube, sairia. O mais importante é o clube. Se eu for uma pedra no caminho, sigo outro caminho. Foi o que eu quis falar no outro dia, mas usei outros termos", afirmou o jogador, em entrevista coletiva, na qual, entretanto, não deixou de manifestar o seu descontentamento com o comportamento dos torcedores nos dois últimos jogos.

Antes de cair por 2 a 0 diante da Portuguesa, o Inter foi superado pelo mesmo placar, também em casa, pelo Corinthians, em uma partida na qual os torcedores colorados chegaram a gritar olé quando a equipe paulista tocava a bola enquanto vencia no final da partida.

"A frase ("pular da barca") que eu usei foi por ter ficado indignado. Primeiro pelo jogo que a gente fez, não podemos perder para a Portuguesa em casa. E depois por algo que já tinha acontecido contra o Corinthians e se repetiu: o nosso torcedor torcer por outro time e gritar olé nos últimos minutos. Fiquei muito chateado", admitiu.

D''Alessandro esfriou a polêmica com a torcida do Inter depois de ter realizado mais um treino de preparação para o clássico com o Grêmio, que será às 17 horas deste domingo, no Olímpico, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. Para não fornecer armas ao arquirrival, o técnico interior Osmar Loss resolveu fechar a atividade e já avisou que os treinos de sexta e sábado também ocorrerão sem o acesso da imprensa.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoInterDAlessandro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.