Ricardo Duarte / Internacional
Ricardo Duarte / Internacional

Damião festeja gol, mas minimiza importância do fim de longo jejum no Inter

Centroavante não marcava desde novembro de 2016, quando o timeInter ainda estava na série B

Estadão Conteúdo

22 de fevereiro de 2018 | 11h38

Ao ser o autor de um dos gols da vitória por 2 a 1 sobre o Remo, conquistada na noite desta quarta-feira, no Mangueirão, em Belém, Leandro Damião ajudou o Internacional a se classificar à terceira fase da Copa do Brasil e, de quebra, encerrou um longo jejum de mais de três meses sem marcar gols.

+ D'Alessandro critica possibilidade de tabela tirar Inter do Beira-Rio

O atacante, porém, minimizou a importância do fato e destacou que o mais importante foi a passagem da equipe gaúcha à próxima fase da competição nacional. "Fico feliz de marcar. Foi um grande passe do Iago. Mas é como sempre frisei quando estava conseguindo marcar: 'O importante é o Inter'", ressaltou.

Damião não marcava desde o dia 6 de novembro do ano passado e o gol desta quarta-feira foi emblemático também pelo fato de que o jogador se igualou ao ex-atacante como 13º maior artilheiro da história do Inter, com 98 bolas na rede cada um.

Antes de encerrar este jejum, ele havia marcado pela última vez com dois gols no empate por 2 a 2 com o Luverdense, no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde.

Foram mais de 600 minutos em campo sem marcar gols para o atacante colorado, que agora voltará as suas atenções para o Campeonato Gaúcho, na qual o Inter enfrenta o São Luiz no próximo domingo, às 17 horas, no estádio do Vale, em Novo Hamburgo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.