Danelon ainda está depondo na PF

O árbitro Paulo José Danelon, suspeito de envolvimento na máfia do apito, passou a tarde desta quarta-feira na sede da Polícia Federal, em São Paulo, prestando seu depoimento sobre o caso. Segundo um funcionário da PF revelou agora há pouco, o interrogatório não deve acabar antes das 22 horas.Segundo os promotores que investigam a máfia do apito, existem forte indícios contra Paulo José Danelon. Ele estaria envolvido no esquema para manipulação de resultados do futebol brasileiro, que já levou à prisão o árbitro Edílson Pereira de Carvalho e o empresário Nagib Fayad, ambos réus confessos.Paulo José Danelon chegou à sede da PF por volta das 13 horas desta quarta-feira. E seu depoimento começou às 14 horas. Até agora, nem os promotores e nem o delegado que investiga o caso deram detalhes do que o árbitro está contando em seu interrogatório.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.