Dani Alves e Messi garantem vitória do Barça e ida às oitavas da Copa dos Campeões

Argentino atinge marca história ao marcar 25 gols em partidas internacionais em uma mesma temporada

O Estado de S. Paulo,

20 de novembro de 2012 | 14h54

MOSCOU - Lionel Messi alcançou mais um feito histórico nesta terça-feira, na Copa dos Campeões. Com dois gols na vitória por 3 a 0 do Barcelona sobre o Spartak Moscou, na Rússia, o atacante chegou a 25 gols em jogos internacionais no ano e se igualou ao inglês John Woodward, que atingiu o mesmo número em 1909, há mais de um século. A vitória sobre o Spartak classificou o Barcelona às oitavas de final da competição continental.

O levantamento feito pela IFFHS (Federação Internacional de História e Estatísticas de Futebol) indica que, com mais um gol, Messi se torna o jogador que, num ano, mais marcou em partidas de competições continentais ou mundiais seja por clubes ou pela seleção. No ano, Neymar é o segundo colocado, com 21 gols. O brasileiro ainda joga mais uma vez em 2012, nesta quarta, pela seleção, contra a Argentina.

Já Lionel Messi poderá fazer, no máximo, mais um jogo internacional no ano. Mas sua presença contra o Benfica, dia 5 de dezembro, no Camp Nou, na última rodada da fase de grupos, é incerta. Isso porque como a vitória sobre o Spartak classificou o Barcelona para a próxima fase, o craque pode ser poupado.

Mesmo jogando no frio de Moscou e tentando se adaptar ao gramado sintético do Estádio Olímpico, o Barcelona não demorou a abrir o placar. Logo aos 16 minutos, Messi tentou o passe entre quatro marcadores, a zaga conseguiu o desvio, mas Daniel Alves pegou a sobra e acertou chute forte, rasteiro, sem defesa para Dikan.

Onze minutos depois Messi faria o primeiro dele. Iniesta chutou cruzado, o goleiro espalmou e o argentino mostrou oportunismo para fazer no rebote. Aos 39 veio o segundo dele. Passe perfeito de Pedro que deixou Messi sozinho na cara de Dikan. Aí não tinha o que fazer. O craque driblou o goleiro e empurrou para o gol vazio.

Pelas estatísticas da Uefa, foram 10 chutes que tiveram como endereço a meta russa, contra apenas um do time da casa, justificando a vitória fácil do Barcelona, que foi a 12 pontos no Grupo G. O Spartak, com três, está eliminado.

GRUPO F

Também nesta terça-feira, o BATE Borisov, que iniciou a Liga dos Campeões como grande surpresa, perdeu o terceiro jogo seguido e pode dar adeus à competição já nesta terça. Depois de ser derrotado pelo eliminado Lille por 2 a 0, o time bielo-russo só avança se o Valencia vencer o Bayern de Munique, logo mais, na Espanha, e se, na última rodada, o BATE passar pelo Bayern na Allianz Arena.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.