Thomas Samson / AFP
Thomas Samson / AFP

Daniel Alves anuncia saída do Paris Saint-Germain após duas temporadas

'Foram dois anos de resiliência para cumprir com a minha missão', escreveu em sua conta no Instagram

Redação, O Estado de S.Paulo

23 de junho de 2019 | 04h45

O lateral-direito Daniel Alves anunciou sua saída do Paris Saint-Germain neste domingo, depois de duas temporadas no time francês. Desde 2017 no clube, o jogador de 36 anos negociava a extensão do seu contrato por mais um ano, pois o vínculo estava para vencer no próximo dia 30 e, portanto, não será renovado.

"Hoje fecho mais um ciclo na minha vida, um ciclo de vitória, de aprendizados e de experiências. Foram dois anos de resiliência e reinventares contínuos para cumprir com a minha missão", escreveu em sua conta no Instagram. "Porém tudo tem um começo, um meio, um final. E hoje chegou o momento de colocar esse ponto final aqui".

Em abril, Daniel Alves, que é atualmente o jogador com mais conquistas no futebol mundial - tem 39 troféus - já chegou a reclamar que o PSG deveria dar mais voz a ele, já que sabia o caminho para conquistar a Liga dos Campeões. "Quando quero dizer algo, gostaria de ser ouvido. Não porque eu sou melhor que qualquer outro, mas porque eu cheguei lá", afirmou em referência às suas três conquistas do torneio quando atuava pelo Barcelona.

"Peço-lhes desculpas se em algum momento não estive à altura, peço-lhes desculpas se em algum momento cometi alguma falha, apenas tentava dar o meu melhor", escreveu na publicação. Durante a Copa América, ao ser perguntado sobre um possível retorno ao Barcelona, o lateral despistou e apenas disse que o clube catalão é a sua casa. Ele também afirmou que não pretende voltar ao futebol brasileiro no momento.Daniel Alves já ganhou cinco títulos pelo time parisiense: duas vezes o Campeonato Francês (2018 e 2019), Copa da França (2018), Copa da Liga Francesa (2018) e uma Supercopa da França (2017). O jogador fez 73 partidas pelo Paris Saint-Germain, marcou oito gols e deu 16 assistências.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Hoje fecho mais um ciclo na minha vida, um ciclo de vitória, de aprendizados e de experiências. Gostaria de agradecer a família PSG pela oportunidade de juntos construir uma página na história desse clube. Gostaria de agradecer a todos e sobre tudo ao staff pelo carinho, pelo respeito, pela cumplicidade demostrada desde o primeiro dia... vocês fazem esse clube um pouco mais especial. Foram dois anos de resiliência e reinventares contínuos para cumprir com a minha missão, porém na vida tudo tem um começo, um meio, um final e hoje chegou o momento de colocar esse ponto final aqui. Peço-lhes desculpas se em algum momento não estive a altura, peço-lhes desculpas se em algum momento cometir alguma falha, apenas tentavam dá o meu melhor. Obrigado a todos os companheiros pelos momentos vividos, pelas risadas juntos, pelos enfados também que vossos espíritos preguiçosos me fizeram passar. Se vocês um dia me recordarem, que seja como o GOOD CRAZY de cada dia, com um belo sorriso no rosto, com uma energia pura de alma, como um profissional trabalhador e compromissado com os objetivos.... como alguém que apenas quis que vocês fossem melhores a cada dia e que tentou fazê-los entender o verdadeiro significado da palavra equipe. “Um grande abraço a todos e espero que não sintam muita falta das minhas loucuras” Com muito carinho GoodCrazy!! #GoodCrazyMood

Uma publicação compartilhada por DanialvesD2 My Twitter (@danialves) em

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.