Arquivo/AE
Arquivo/AE

Daniel Passarella se candidata à presidência do River Plate

Ele ganhou sete títulos nacionais como jogador e três como técnico do time; eleições acontecem em dezembro

AE, Agencia Estado

11 de novembro de 2009 | 14h00

O ex-jogador e técnico da seleção argentina Daniel Passarella confirmou, no início da madrugada desta quarta-feira, em Buenos Aires, que é um dos candidatos à presidência do River Plate nas próximas eleições do clube, que serão realizadas em 5 de dezembro.

Capitão da seleção argentina campeã do mundo de 1978, Passarella ganhou sete títulos nacionais como jogador no River Plate e outros três como treinador. Em sua luta para se tornar agora máximo dirigente do clube, ele enfrentará outros quatro candidatos.

Passarella tentará suceder José María Aguilar, que preside o River Plate em uma das piores fases da história do clube, que ocupa hoje a 17.ª posição do Campeonato Argentino e está em plena crise.

Para vencer a eleição, Passarella firmou aliança política com Diego Turnes, integrante da Comissão Fiscalizadora do River Plate, e com Omar Solazzi. Os três juntos formaram a chapa intitulada de "Frente Liderança Riverplatense".

Tudo o que sabemos sobre:
futebolRiver PlateDaniel Passarella

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.