Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br
Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br

Danilo Barcelos despista sobre titularidade e projeta 'Vasco campeão'

Jogador pode atuar como lateral-esquerdo ou meia e vem de bons jogos pela Ponte Preta na Série B

Redação, Estadão Conteúdo

14 de janeiro de 2019 | 18h59

Um dos reforços trazidos pelo Vasco para a temporada, Danilo Barcelos se mostrou bastante otimista sobre as chances da equipe em 2019. Apesar do ano cruzmaltino decepcionante em 2018, ele considerou que o clube trouxe bons reforços, manteve a base e tem tudo para ser campeão até dezembro.

"Ano novo, vida nova. Novos companheiros. O Vasco manteve a base, isso faz a diferença. A comissão ficou. Os que chegaram vão se adaptando bem e tenho certeza que o Vasco de 2019 será um Vasco campeão e que vai alcançar seus objetivos", declarou nesta segunda-feira.

Danilo pode atuar como lateral-esquerdo ou meia e vem de bons jogos pela Ponte Preta na Série B do ano passado. Por isso, confia que também terá um ano positivo em seu novo clube. "Estou muito bem fisicamente, terminei 2018 em um nível muito bom. Nesses últimos anos, isso vem me dando uma base. A gente sabe que todo início de ano nós precisamos de alguns jogos pra ganhar ritmo, melhorar a forma física, mas eu estou me sentindo muito bem. É ganhar entrosamento com o tempo."

O próprio jogador, no entanto, despistou ao falar sobre uma possível titularidade. Ele ainda não sabe se estará entre os 11 que iniciarão a temporada no confronto diante do Madureira neste sábado, fora de casa, pela estreia no Campeonato Carioca.

"É muito cedo para falar se serei titular ou não. Temos uma semana para trabalhar, o professor tem suas dúvidas e nós estamos trabalhando bem forte para quando ele precisar, no sábado, estarmos prontos. Está sendo muito bom. Estou me sentindo bem à vontade. Fui muito bem recebido, o pessoal me acolheu muito bem. Estou muito feliz e motivado para esse início de temporada", comentou.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
Vasco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.