Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Danilo diz que quer 'esquecer' futebol quando parar de jogar

Meia de 35 anos é o mais velho do elenco do Corinthians e descarta trabalhar no ramo depois de se aposentar para evitar a pressão

VÍTOR MARQUES, O Estado de S. Paulo

27 de outubro de 2014 | 19h17

Aos 35 anos, Danilo é o jogador mais experiente do elenco do Corinthians. Autor do gol de empate no clássico contra o Palmeiras, o meia afirmou nesta segunda-feira que aposentadoria não é um assunto que passa pela sua cabeça. Nem mesmo quando terminar seu contrato atual, em dezembro de 2015. Danilo afirmou que tem só uma certeza: quando isso acontecer, seu futuro será bem longe do futebol.

"Não é o meu perfil. Eu sempre brinco com o Edu (Gaspar) e com o Alessandro. Depois de tudo que eles passaram, continuar nessa pressão... Eu prefiro ficar mais sossegado e fazer outras coisas", afirmou Danilo em entrevista coletiva no CT Joaquim Grava.

Ex-jogadores do Corinthians, Edu Gaspar é gerente de futebol e Alessandro, coordenador técnico. Além dos dois, Sylvinho, ex-lateral-esquerdo, é auxiliar técnico do clube. Ele comandará o time durante a pré-temporada em janeiro, já que Mano Menezes ficará sem contrato no fim do ano. Danilo desejou sorte ao ex-atleta.

"No futebol as coisas são feitas de oportunidades. Vai que sobra para ele (ser efetivado). No futebol, tudo é resultado", disse Danilo, sobre a chance de Sylvinho comandar o time numa eventual fase preliminar da Libertadores. No sábado, o presidente Mário Gobbi disse que o Corinthians será comandado por uma equipe técnica em janeiro até que o próximo presidente escolha o novo treinador. As eleições serão em fevereiro.

Danilo disse que a iminente saída de Mano Menezes em dezembro não abala o elenco nem prejudica o desempenho do time na reta final do Campeonato Brasileiro. "Temos de pensar no hoje, e hoje o treinador é o Mano. Estamos com ele até o final, restam sete jogos e estamos lutando por vaga na Libertadores."

TIME
O treino desta segunda-feira só valeu para Guerrero, Ralf e outros jogadores que não enfrentaram o Palmeiras, sábado, no Pacaembu. Todos eles foram a campo nesta tarde no CT do Corinthians. Os titulares ficaram na academia fazendo trabalho regenerativo. 

O time só volta a campo no sábado, diante do Coritiba, às 21 horas, no Itaquerão. Mano Menezes terá dois desfalques certos: Fábio Santos, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, e Guerrero, que cumpre o último jogo da suspensão imposta pelo STJD.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansDaniloBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.