Fabrice Coffrini/AFP
Fabrice Coffrini/AFP

Danilo, ex-Santos, marca e Porto arranca empate com o Basel

Portugueses saem atrás na Suíça, têm um gol equivocadamente anulado pelo árbitro, mas chegam ao 1 a 1 e decidem vaga em casa

Estadão Conteúdo

18 de fevereiro de 2015 | 20h01

Basel e Porto protagonizaram nesta quarta-feira mais um empate nestes jogos de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões. Jogando na Suíça, o Porto não conseguiu se impor em campo e sofreu para arrancar o empate, por 1 a 1, no segundo tempo. O brasileiro Danilo, cobiçado pelo Barcelona, foi o autor do gol português, em cobrança de pênalti.

A igualdade manteve o confronto em aberto para o jogo da volta, a ser disputado no dia 10 de março, no Estádio do Dragão, em Porto. Um novo empate por 1 a 1 leva o duelo para prorrogação, que poderá ser seguida de pênaltis. Igualdade sem gols classifica o Porto, enquanto empate por dois ou mais gols garante o Basel nas quartas de final.

Time menos badalado nesta fase final da Liga, o time da Basileia surpreendeu ao partir para o ataque e ameaçar o gol português nos primeiros minutos de partida. Mais ofensivo, abriu o placar aos 11 minutos, quando Derlis Gonzalez disparou pelo meio, segurou a marcação e bateu na saída do goleiro.

A reação do Porto só veio depois do intervalo. E teve a participação de um brasileiro. Após bate-rebate na área, o volante Casemiro só completou para as redes e correu para o abraço. Demorou para ver que a arbitragem anulara o lance por impedimento de um companheiro na pequena área. 

Sem desanimar, o Porto passou a pressionar, criando seguidas chances. Foram ao todo 15 finalizações, contra apenas uma do Basel em toda a partida. A insistência culminou em jogada pela direita, em uma tentativa de cruzamento rasteiro que parou no braço de Samuel dentro da área. O juiz marcou o pênalti e Danilo, ex-Santos, converteu a preciosa oportunidade, garantindo o empate aos visitantes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.