Divulgação
Divulgação

Danilo explica ausência no adeus de Ceni: 'Sou jogador do Corinthians'

Meia atuou no São Paulo e foi convidado para despedida do goleiro

Estadão Conteúdo

09 de dezembro de 2015 | 16h34

Em meio às festividades da despedida de Rogério Ceni, um amistoso nesta sexta-feira colocará os campeões mundiais de 1992 e 1993 diante da geração que venceu o torneio em 2005 com a camisa do São Paulo. Mas ao menos um desfalque está certo para a partida que acontecerá no Morumbi. Atualmente no Corinthians, Danilo recusou-se a participar do jogo.

A decisão do meia causou polêmica. Muito antes de brilhar com a camisa do Corinthians, Danilo havia sido um dos símbolos da vitoriosa geração de 2005, campeã da Libertadores e do Mundial de Clubes. Mas foi justamente o fato de atuar em um dos maiores rivais do São Paulo que levou o jogador a recusar o convite.

"Para esclarecer: tenho muito respeito pelo que conquistei no São Paulo Futebol Clube. E por todos os clubes que passei, em que fui campeão! Tenho muito respeito pelo Rogério e por sua história no futebol. Mas hoje sou jogador do Corinthians e tenho muito orgulho disso, pela história que construí aqui e ainda quero construir", escreveu em sua página no Instagram.

Como a partida desta sexta terá duas equipes do São Paulo, o jogador teria que vestir a camisa do time se estivesse em campo, o que poderia resultar em um constrangimento para ele. Pelo clube do Morumbi, Danilo atuou de 2004 a 2006. Quatro anos depois, desembarcou no Corinthians, onde está desde então e também faturou uma Libertadores e um Mundial de Clubes, em 2012, além de dois Brasileiros, em 2011 e 2015.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansSão Paulo FCDanilo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.