Ricardo Duarte/Internacional
Ricardo Duarte/Internacional

Danilo Fernandes nega Inter pressionado pela zona de rebaixamento no Brasileirão

"A rodada pode nos não favorecer, mas só acaba após o nosso jogo. Só depende da gente e isso não nos preocupa agora"

Estadão Conteúdo

17 Maio 2018 | 16h18

De volta à elite em 2018, o Internacional corre o risco de voltar a conviver com a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro logo nas rodadas iniciais. Na próxima, a sexta, o time só vai entrar em campo na sua conclusão, na segunda-feira, quando o receberá a Chapecoense. Caso Bahia, Vitória ou Ceará vençam no fim de semana, a equipe entrará em campo na zona da degola. Mas o goleiro Danilo Fernandes assegura que a situação não trará desconforto ao time.

+ Confira a tabela do Campeonato Brasileiro

"Independentemente de como a rodada estiver, isso não vai mudar nossa forma de jogar. Temos ideia de como vamos jogar. Precisamos do torcedor ao nosso lado. A rodada pode nos não favorecer, mas só acaba após o nosso jogo. Só depende da gente e isso não nos preocupa agora", afirmou, pedindo o apoio da torcida.

Danilo Fernandes assegurou que o Inter chegará bem ao duelo com o Chapecoense após ter uma semana de preparação para o compromisso. O goleiro lembrou que o confronto é importante porque os times estão próximos na tabela de classificação - a equipe gaúcha está na 16ª posição com cinco pontos, enquanto o clube catarinense é o 14º com seis.

"Tivemos uma semana para fazer os ajustes necessários no que precisamos melhorar. Sabemos onde erramos no Gre-Nal e isso facilita, porque ficamos mais próximos da correção. Será um confronto direto, agora em nossos domínios. Precisamos fazer o nosso papel em casa, com uma atuação equilibrada e repetindo o padrão de jogo. Vamos ter que propor o jogo e buscar a vitória que será fundamental nesta sequência do campeonato", disse o goleiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.