Montagem Estadão
Montagem Estadão

Dante e David Luiz recebem chuva de críticas na Europa

Beckenbauer afirma que Dante 'estava calçando botas de esqui'

O Estado de S. Paulo

16 de abril de 2015 | 10h43

Os jogos da Liga dos Campeões realizados nesta quarta-feira, válidos pelas quartas de final do torneio, não serão bem lembrados pelos defensores brasileiros. Na vitória do Barcelona sobre o Paris Saint-Germain por 3 a 1, fora de casa, David Luiz sofreu dois dribles entre as pernas que resultaram em gols do uruguaio Luis Suárez. Enquanto isso, em Portugal, o Porto surpreendeu ao derrotar o poderoso Bayern de Munique, também por 3 a 1, com direito a uma falha incrível do brasileiro Dante no segundo gol dos portugueses. Por isso, os dois foram os principais alvos da imprensa europeia após a rodada.

Na emissora britânica Sky Sports, o ex-meia e atual comentarista Glen Hoodle avaliou a atuação de David Luiz como 'infantil'. Nas críticas, o inglês não perdoou o brasileiro: "Mesmo quando não está a 100%o, um jogador não pode mostrar esta falta de determinação. Ele era o último homem quando Suárez pegou na bola e começou a correr na sua direção (no lance do 3º gol). Percebeu que era o último homem e, nessa situação, a última coisa que se deve fazer é dar o bote. A solução é ganhar tempo para que a sua equipe se recupere defensivamente."

E Glen Hoodle ainda foi além: "Mas, em vez de fazer isso, ele fez o que uma criança de oito anos, que nunca foi treinada, faz: tentou ganhar o lance entrando com os dois pés. Resultado: deixou de poder reagir, de poder movimentar-se para outro lado. Ele joga como se estivesse brincando. É talentoso, mas o futebol de alto nível não é isso", disparou o comentarista.

A noite em Paris esteve longe de começar bem para o time da casa e, principalmente, para a 'zaga brasileira'. Thiago Silva sentiu uma lesão ainda aos 21 minutos do primeiro tempo, dando lugar a David Luiz. O curioso é que o zagueiro já havia até sido descartado da partida, por conta de uma lesão na coxa sofrida há apenas 10 dias, em 6 de abril. A previsão era a de que o brasileiro passaria um mês parado. David foi à Rússia por iniciativa própria para 'acelerar' o tratamento com um profissional de confiança, e surpreendeu já ao ser relacionado contra o Barcelona.

Ele não apenas foi relacionado como, após a lesão de Thiago, passou 71 minutos em campo. Após a má apresentação e as falhas que culminaram na vitória do Barcelona, David Luiz desabafou e afirmou ter jogado no sacrifício. Segundo o jogador, ele 'aguentaria' apenas 30 minutos em campo e se sentiu cansado. David, porém, não pode ser crucificado sozinho. Maxwell e Marquinhos também formaram a defesa parisiense. Nenhum dos três conseguiu tirar a bola do inspiradíssimo Luis Suárez no lance do segundo gol do Barcelona.

Enquanto isso, no Estádio do Dragão, o Porto dava uma 'aula' de como parar o Bayern de Guardiola pressionando muito a saída de bola adversária. O primeiro gol saiu após Jackson Martínez roubar a bola de Xabi Alonso na meia-lua da área adversária. O zagueiro brasileiro Dante também experimentou a situação e, distraído, perdeu a bola para Quaresma na intermediária, deixando o goleiro Neuer completamente exposto para sofrer o segundo gol. Como resultado, Dante virou 'piada' para ninguém menos que Franz Beckenbauer, presidente honorário do clube bávaro e um dos maiores defensores da história da Alemanha.

"Se ele fosse da Islândia ou do Polo Norte, diria que estava tudo bem, já que tinha suas botas de esqui calçadas. Mas como não é este o caso, ele tinha simplesmente de parar aquela bola", disparou sobre o 'presente' brasileiro dado a Quaresma.

Vale lembrar que Dante e David Luiz foi justamente a dupla de zaga dos 7 a 1 da Alemanha sobre o Brasil, nas semifinais da Copa do Mundo de 2014. Na ocasião, Thiago Silva estava suspenso, e o primeiro tempo terminaria em 5 a 0 para a equipe de Joachim Löw. Distraídos e com a 'ajuda' de uma equipe apática, ficaram marcados na derrota mais vexatória dos 101 anos da seleção brasileira. Sob o comando de Dunga, a equipe nunca mais contou com Dante e David Luiz briga por uma vaga no miolo de zaga, que hoje é formado por Thiago Silva e Miranda.

"Faz parte do futebol. Só os verdadeiros homens encaram as batalhas dessa forma. Eu nunca fujo da raia, nunca fugi, assumo meus erros", frisou David Luiz após a derrota desta quarta-feira. Além dos veículos de imprensa, o zagueiro virou piada na web, com uma série de 'memes' fazendo referência às duas 'canetas' que sofreu de Luis Suárez.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.