Daum volta após escândalo de doping

Quatro meses depois de ter sido demitido do cargo de técnico do Bayer Leverkusen por uso de cocaína, o treinador alemão Christoph Daum volta a trabalhar. Daum vai dirigir a equipe turca do Besikas, segundo informação da agência de notícias Anadolu. O alemão assinou contrato de um ano e meio e vai substituir o italiano Nevio Scala, que deixou o cargo por problemas de saúde.Os problemas de Daum começaram em outubro passado quando um exame comprovou que ele usava cocaína. Além de perder o emprego no Bayer, Christoph Daum teve anulado um contrato com a Federação Alemã, pelo qual dirigiria a seleção a partir de julho de 2001.O treinador é bem visto entre os torcedores do Besikas, onde trabalhou entre janeiro de 94 e maio de 96. Neste período, ganhou a Copa da Turquia em 94 e uma liga em 95.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.