Ted S. Warren/AP
Ted S. Warren/AP

David Beckham confirma que deixará Galaxy em dezembro

Veterano inglês vai encerrar sua passagem pelo futebol norte-americano após cinco anos

AE, Agência Estado

20 de novembro de 2012 | 10h01

LOS ANGELES - O meia David Beckham confirmou nesta terça-feira que deixará o Los Angeles Galaxy depois da decisão da Major League Soccer (MLS), que será disputada no dia 1.º de dezembro diante do Houston Dynamo. Desta forma, o veterano inglês, de 37 anos, encerra uma passagem pelo futebol norte-americano que durou seis temporadas, desde 2007.

A informação já vinha sendo divulgada nos Estados Unidos na última segunda-feira, mas nesta terça Beckham confirmou a decisão através de seu Facebook. "Vocês devem ter lido algo sobre eu deixar o Galaxy. Tive um período incrivelmente especial jogando em Los Angeles, mas quero experimentar um último desafio antes de encerrar a carreira", escreveu.

Formado nas divisões de base do Manchester United, Beckham atuou profissionalmente pelo clube por quase dez anos, até se transferir para o Real Madrid, em 2003, quando fez parte do time "galáctico" madrilenho. Já sem espaço, foi para o Galaxy em 2007 e chegou a ser emprestado duas vezes para o Milan, em períodos de pausa na MLS.

O jogador manifestou o interesse de ser negociado algumas vezes - para o próprio Milan e para o Tottenham -, mas os dirigentes da MLS exaltaram seu profissionalismo e o crescimento levado por ele ao futebol norte-americano. "Não há dúvida que a MLS está muito mais popular e importante aqui e pelo mundo do que quando ele chegou", disse o comissário da liga, Don Garber.

Com a confirmação da saída de Beckham do Galaxy, clubes de todo o mundo já começam a demonstrar interesse em sua contratação. No futebol australiano, que também busca crescimento no país, cinco equipes confirmaram que vão tentar a negociação. A liga local tenta trazer jogadores de peso para popularizar o esporte e já conseguiu atrair nomes como o italiano Del Piero e o inglês Emile Heskey.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolLos Angeles GalaxyBeckham

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.