Ivan Storti/Divulgação
Ivan Storti/Divulgação

David Braz opera mão esquerda e está fora das quartas do Paulistão

Werley e Gustavo Henrique são a nova dupla de zaga

Estadão Conteúdo

10 de abril de 2015 | 18h25

O Santos não terá mesmo o zagueiro David Braz na partida deste domingo contra o XV de Piracicaba, na Vila Belmiro, pelas quartas de final do Campeonato Paulista. Ele teve de ser operado nesta sexta-feira para corrigir uma fratura na mão esquerda e será reavaliado no início da semana que vem para saber quando poderá voltar a jogar.

Autor de dois gols na fase de classificação (o último foi na vitória sobre o Rio Claro, na última quarta-feira, na Vila Belmiro), David Braz vinha sendo um dos destaques da equipe - além de ser um dos líderes do elenco. Ele se machucou no último jogo, ainda no primeiro tempo, ao cair de mal jeito após tentar uma cabeçada na área do adversário. Conseguiu voltar com uma proteção na mão, mas não escapou de um procedimento cirúrgico.

Com a sua ausência, a dupla de zaga será formada por Werley e Gustavo Henrique. O volante Renato, ainda às voltas com dores no tornozelo esquerdo, é dúvida para enfrentar o XV de Piracicaba. Se ele não puder jogar, há três candidatos para a sua vaga: Leandrinho, Lucas Otávio e Elano.

Nos bastidores, ganha força o nome do técnico Cristóvão Borges, demitido recentemente do Fluminense, para dirigir o time no Campeonato Brasileiro. Ele assumiria no lugar de Marcelo Fernandes, que é de uma comissão técnica permanente do Santos, logo depois do Paulistão.

Além do Estadual, o Santos está às voltas com a Copa do Brasil. Nesta quarta-feira, pelo jogo de volta da primeira fase, o time enfrenta o Londrina, atual campeão paranaense, no estádio Martins Pereira, em São José dos Campos (SP).

Na ida, no último dia 17, no estádio do Café, em Londrina (PR), o clube da Baixada Santista venceu por 1 a 0 e joga pelo empate para avançar. Na segunda fase, se passar, o adversário será o vencedor do duelo entre Madureira e Maringá, que jogam nesta quarta-feira, no Rio. No Paraná, o Maringá venceu por 2 a 0.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.