Sílvio Ávila/EFE
Sílvio Ávila/EFE

David Luiz vê Brasil com 'melhor recomeço' possível após Copa

Para zagueiro, ciclo vitorioso dá moral para disputa da Copa América

ALMIR LEITE, enviado especial a Porto Alegre, O Estado de S. Paulo

11 de junho de 2015 | 14h08

O zagueiro David Luiz considera que a série de dez vitórias nos dez amistosos sob o comando de Dunga foi a melhor coisa que poderia ter acontecido para a seleção brasileira após o fracasso na Copa do Mundo de 2014. Para ele, o ciclo vitorioso dá moral para a disputa da Copa América - o Brasil estreia domingo, contra o Peru, em Temuco, no Chile.

"Sem dúvida nenhuma, foi o melhor recomeço que a gente poderia ter. Jogamos contra grandes adversários, superamos obstáculos e pudemos nos preparar bem para a Copa América", disse David Luiz em entrevista coletiva nesta quinta-feira, no hotel em que a seleção está hospedada, em Viamão, na região metropolitana de Porto Alegre.

David é um dos jogadores do atual grupo que participou da fracassada campanha na Copa do Mundo de 2014. Ele disse que não se pode mudar o passado, mas garante que a frustração de um ano atrás serviu como aprendizado para ele e os demais companheiros que também estiveram no Mundial. "Os jogadores que passaram pela Copa estão mais maduros, aprenderam bastante pelas coisas não terem acontecido da forma que queríamos."

O zagueiro do Paris Saint-Germain declarou que a que a preparação do Brasil para a Copa América foi feita da melhor maneira possível. "A gente está aproveitando para evoluir, crescer, e estamos preparados para ganhar."

O torneio no Chile é a primeira competição oficial da seleção pós-Copa do Mundo e David Luiz não vê nesse aspecto um peso extra nem a chance de provar que têm condição de servir à seleção. "A gente tem de provar todos os dias que tem valor para jogar na seleção. Vamos com a mesma responsabilidade de se tivesse ganho a Copa. O Brasil sempre entra com obrigação de ganhar. Faz parte de quem representa a seleção brasileira."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolseleção brasileiraDavid Luiz

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.